Escolha as suas informações

Seis lugares no Luxemburgo para fugir ao calor dos próximos dias
Viver 3 min. 16.07.2022
Canícula

Seis lugares no Luxemburgo para fugir ao calor dos próximos dias

A cascata do Schiessentümpel é uma das principais atrações do parque do Mullerthal
Canícula

Seis lugares no Luxemburgo para fugir ao calor dos próximos dias

A cascata do Schiessentümpel é uma das principais atrações do parque do Mullerthal
Foto: Gerry Huberty
Viver 3 min. 16.07.2022
Canícula

Seis lugares no Luxemburgo para fugir ao calor dos próximos dias

Redação
Redação
Saiba onde pode refugiar-se das temperaturas elevadas que estão a chegar.

Uma onda de calor extremo está a varrer a Europa e o Luxemburgo vai senti-la na pele nos próximos dias. Os termómetros vão subir a pique no fim de semana e, na terça-feira, prevê-se que cheguem aos 37ºC, acontecimento raro no Grão-Ducado. 

Com tanto calor, é provável que queira passar o dia a refrescar-se com mergulhos nos lagos ou nas piscinas públicas do país. Mas esta não é a única solução para fugir ao calor. Sugerimos-lhe seis lugares para passear e aproveitar as sombras, mas não nos esquecemos de quem quer ir a banhos.

1. Parc Merveilleux em Bettembourg

Foto: Chris Karaba

O único jardim zoológico do Luxemburgo serve de casa a cerca de 200 espécies de animais dos cinco continentes e é ideal para um um dia diferente com a pequenada. Está aberto todos os dias das 9h30 às 19h e está perfeitamente equipado para miúdos e graúdos, com atrações que incluem um rancho de póneis, um caminho-de-ferro em miniatura, parques infantis, um restaurante e uma cafetaria. Há sombras para escapar ao sol e gelados para terminar a visita em beleza.

2. Casemates da Pétrusse na Cidade do Luxemburgo

Foto: Guy Jallay

As emblemáticas edificações em pedra, a um passo da Gëlle Fra, reabriram em junho depois de sete anos fechadas para obras. A novidade é uma boa desculpa para dar numa de turista e aproveitar o fresco das galerias subterrâneas. 


Casemates da Pétrusse reabrem a 5 de junho
Depois de sete anos fechadas, as galerias subterrâneas contam, agora, com impressionantes projeções de luz e efeitos sonoros.

Os bilhetes estão à venda no site oficial do turismo ou no posto de turismo, na Place Guillaume II. As visitas guiadas custam entre 7,50 e 15 euros. As crianças com menos de 4 anos não pagam.

3. Parque Natural do Mullerthal

Foto: Gerry Huberty

É o grande tesouro natural do Luxemburgo e entrou recentemente na lista de 177 Global Geoparks da UNESCO. Situado na região conhecida como ‘A Pequena Suíça’, no leste do país, é um local de romaria para locais e turistas, que aproveitam para caminhar debaixo das suas árvores frondosas e para se refrescar nas suas magníficas cascatas. 


Contacto.Mullerthal-UNESCO Welt Geopark.Foto: Gerry Huberty/Luxemburger Wort
A Natureza produziu algo de extraordinário no leste do Luxemburgo
Há um mês, a UNESCO declarou o Mullerthal um dos 177 Global Geoparks do mundo. Isso significa que o valor geológico e natural da região é património de toda a Humanidade. Mergulho na floresta com geólogos e hidrólogos, ecologistas e economistas, técnicos de turismo e agrónomos – para perceber a história e o potencial de um dos mais notáveis vales do planeta.

Destaque para a ponte de Schiessentümpel e as cascatas, cujo acesso se faz através de um passadiço de madeira – podendo para isso deixar o carro num parque de estacionamento na estrada regional 121.

4. Marginal do Moselle

Foto: António Pires

No primeiro troço da estrada nacional 10, as vinhas enquadram perfeitamente o rio Moselle. Se não estiver com disposição para caminhadas, pode parar em Remich e apanhar um barco para subir o rio. Se a fome apertar, há barracas de peixe frito na borda da estrada e, para enganar a sede, vale a pena subir a Ahn, uma aldeia repleta de adegas. Também há canoas e motas de água para os mais aventureiros. Mais informações aqui.

5. Lago de Echternach

É uma das grandes novidades deste verão. O lago artificial de Echternach deverá abrir para banhos no próximo mês, mas não é preciso esperar para usufruir deste refúgio natural. Isto porque o lago está rodeado por um trilho onde é possível caminhar, andar de patins em linha e andar de bicicleta. Se preferir, pode meter-se num barco e pedalar. A pousada da juventude ali ao lado também disponibiliza várias atividades.

6. Barragem do Haute-Sûre

Foto: Chris Karaba

É o destino clássico para quem quer dar um mergulho, por isso está sempre à pinha. Mas há várias praias fluviais à escolha onde pode tentar a sua sorte, como Rommwiss, Burfelt, Insenborn, Insenborn (Fuussefeld), Lultzhausen e Liefringen. Se não quiser apanhar banhos de sol, pode optar por levar uma canoa ou um caiaque e passar o dia no lago.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas