Escolha as suas informações

Portugal. Dez monumentos que tem de visitar uma vez na vida
Viver 3 min. 04.07.2022
Património

Portugal. Dez monumentos que tem de visitar uma vez na vida

Forte de São João Baptista das Berlengas.
Património

Portugal. Dez monumentos que tem de visitar uma vez na vida

Forte de São João Baptista das Berlengas.
Foto: Lusa
Viver 3 min. 04.07.2022
Património

Portugal. Dez monumentos que tem de visitar uma vez na vida

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Já conhece estes locais ricos em história? E que outros acrescentaria à lista?

Que Portugal é um recanto recheado de conhecimento não é uma novidade, seja para os portugueses que se orgulham do seu país ou para os milhares de turistas estrangeiros que o elegem como destino de férias.

Para além da costa repleta de praias paradisíacas ou das planícies alentejanas e os seus tons laranja, é possível mergulhar em séculos de História portuguesa percorrendo alguns dos monumentos mais emblemáticos do país. Há lugares que são obrigatórios pela sua importância, imponência e beleza. 

Porque não reservar um tempo nas férias - ou nos fins de semana de verão - para se dedicar a conhecer melhor cada um destes testemunhos da riqueza que marca a nossa herança cultural? 

Torre de Belém, Lisboa

Foto: Jorge Trindade

É uma das "imagens de marca" do país. A Torre de Belém em Lisboa é uma paragem obrigatória para conhecer melhor a história de Portugal. Com o Mosteiro dos Jerónimos ali ao lado - que também vale a visita - ambos foram considerados Património Mundial da UNESCO em 1983. 

Mosteiro de Alcobaça, Leiria

Foto: Lusa

O Mosteiro de Alcobaça, no distrito de Leiria, é um dos monumentos mais emblemáticos da região centro do país. Foi classificado Património da Humanidade pela UNESCO em 1989. 

Sé do Porto

Foto: Lusa

A Catedral do Porto é o edifício religioso mais importante da Invicta. A construção da Sé começou no século XII, mas o edifício foi reconstruído e renovado inúmeras vezes ao longo dos séculos. A norte do país, é um símbolo imperdível nas viagens pela cultura portuguesa. 


Capela dos Ossos, Évora 

Foto: Lusa

"Nós ossos que aqui estamos, pelos vossos esperamos", lê-se à entrada da Capela dos Ossos, dentro da Igreja de São Francisco, em Évora. Esta pequena capela tão peculiar foi construída no século XVII por iniciativa de três frades franciscanos. 

Convento de Cristo, Tomar

Foto: Pixabay

O Castelo Templário e Convento dos Cavaleiros de Cristo de Tomar foi classificado Património Mundial da UNESCO em 1983. Quem o visita percebe porquê. A sua construção, iniciada em 1160, caminha lado a lado com a história de Portugal.    

Castelo de Almourol, Vila Nova da Barquinha 

Foto: Pixabay

O Castelo de Almourol, em Vila Nova da Barquinha, não é apenas um cartão-postal erguido a 18 metros da água numa pequena ilha. É também um símbolo nacional que marca a arquitetura militar da época dos Templários.  


Forte de São João Baptista das Berlengas, Peniche 

Foto: Lusa

A viagem por alto mar pode levar a enjoos a quem tem o estômago mais sensível. Mas vale bem a pena. Não se sabe ao certo quando terá sido construído, mas há testemunhos de fortificações nas Berlengas que remontam ao século XVI.

Castelo de Guimarães

Foto: Lusa

Local histórico a norte que marca o início do Condado Portucalense e que foi palco de tantas batalhas pela conquista do território que hoje é Portugal. Um passeio por estas muralhas é um regresso ao passado de D. Afonso Henriques. 

Santuário de Bom Jesus do Monte, Braga

Foto: Hugo Delgado/Lusa

Esta célebre Escadaria dos Cinco Sentidos é a imagem mais reconhecida do Santuário de Bom Jesus do Monte, em Braga. Com mais de 600 anos de história, foi considerado Património Cultural Mundial da Humanidade da UNESCO em 2019. 

Panteão Nacional, Lisboa  

Foto: Lusa

O Panteão Nacional, situado na Igreja de Santa Engrácia, em Lisboa, é o local que acolhe os vultos mais importantes da história portuguesa, logo, impõe-se uma visita. Aqui são homenageadas figuras de todos os quadrantes como Teófilo Braga, Óscar Carmona, Amália Rodrigues ou o Marechal Humberto Delgado. É também considerado o primeiro monumento barroco no país. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.