Escolha as suas informações

Luxemburgo: neste novo café há gatos a pedir festas
Viver 15.07.2019

Luxemburgo: neste novo café há gatos a pedir festas

Luxemburgo: neste novo café há gatos a pedir festas

Viver 15.07.2019

Luxemburgo: neste novo café há gatos a pedir festas

Paula SANTOS FERREIRA
Paula SANTOS FERREIRA
Os amantes de felinos ganharam um espaço na cidade onde podem desfrutar de uma bebida e apreciar as 'ronronices' dos gatos que ali os esperam.

Chama-se “Chalon de Thé”, abriu no Luxemburgo e é um café muito especial. Aqui é recebido por gatos simpáticos, hospitaleiros e ansiosos por festas e mimos, que retribuem com 'ronronices', enquanto o cliente desfruta de um lanche ou de um simples café.

Arya, Moukins, Thanos, Pouki, Crokmou, Georges, Miskine, Friday, Jaci e Smock são os felinos residentes no ‘Chalon de Thé’ que lhes dão as boas-vindas deste novo espaço na cidade destinado a quem gosta de gatos, sobretudo para aqueles que não podem ter em casa, mas adoram estar com estes animais. Neste salão podem estar. E quem se afeiçoar muito a um destes animais poderá mesmo adotá-lo.

Mas, não estes dez, como explica ao Contacto, Tiffany Charroy, do ‘Chalon de Thé’. “Estes são nossos, da casa. Mas em breve vamos ter mais gatinhos e esses já poderão ser para adoção”.

O espaço abriu ao público no passado dia 10 e “foi muito bem recebido na cidade”, as pessoas "estão muito contentes”, e "têm vindo muito", indica Tiffany Charroy. Porém, alguns clientes perguntam se podem levar consigo os seus felinos ao ‘Chalon de Thé’, conta esta funcionária, informando que “não”. Este café especial permite somente a entrada de pessoas e não de animais. “Os gatos permitidos são os nossos”.

Depois da abertura de um espaço igual em Metz, França, os donos decidiram implementar-se na cidade do Luxemburgo, no 19-25 rue des Capucins. Em abril pediram ajuda aos luxemburgueses através de um orçamento participativo. Os cidadãos responderam ao apelo e aqui têm o seu primeiro ‘Chalon de Thé’.

A ideia inicial destes cafés especiais para os amantes de gatos partiu do Japão, onde logo se tornaram moda. Deste país foram exportados para o mundo e chegaram agora ao Grão-Ducado.  O ‘Chalon de Thé’ está aberto das 9h30 às 19h e fecha ao domingo, conforme indicação na pagina do facebook 'chalon de thé'.