Escolha as suas informações

UE congela bens a seis hackers
Sociedade 31.07.2020

UE congela bens a seis hackers

UE congela bens a seis hackers

Shutterstock
Sociedade 31.07.2020

UE congela bens a seis hackers

É a primeira vez que a União Europeia aplica sanções a autores de ataques cibernéticos. Além dos bens congelados, os hackers não podem circular no velho continente.

Seis pessoas e três entidades foram alvo de sanções da União Europeia, acusadas de estar por de trás de ataques cibernéticos. 

Adoptado em maio de 2019, o quadro de medidas europeiras contra os crimes informáticos nunca tinha sido efetivamente utilizado. Quer isto dizer que esta é a primeira vez que a União Europeia decide sancionar hackers. 

As sanções aplicadas incluem a proibição de entrada na União Europeia e um congelamento de bens. Além disso, fica suspensa e proibida a atribuição de qualquer fundo europeu às pessoas e entidades castigadas. 

O objetivo é prevenir e evitar que os ataques informáticos persistam.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.