Escolha as suas informações

Trabalhador contaminado na central elétrica de Cattenom
Sociedade 04.02.2023
Acidente

Trabalhador contaminado na central elétrica de Cattenom

Acidente

Trabalhador contaminado na central elétrica de Cattenom

Foto: Guy Wolff
Sociedade 04.02.2023
Acidente

Trabalhador contaminado na central elétrica de Cattenom

A contaminação não tem impacto na saúde do homem.

Na quinta-feira, um trabalhador da central eléctrica de Cattenom realizou atividades logísticas em várias salas do edifício do reator da unidade de produção 3, atualmente encerrada para manutenção. 

No final, após a verificação obrigatória, foi detetada a contaminação na bochecha do trabalhador, confirmou a EDF-Cattenom. "O empregado foi imediatamente atendido pelo serviço médico da fábrica para efetuar verificações adicionais e tratar o ponto de contaminação", lê-se em comunicado. 

Para os trabalhadores suscetíveis de serem expostos a radiações ionizantes no trabalho, os limites anuais de dose regulamentar são, durante 12 meses consecutivos, 20 milisieverts, para todo o corpo, e 500 milisieverts para 1 cm2 de pele. 

O nível de exposição do funcionário excedeu ligeiramente o limite regulamentar anual. O comunicado afirma que " a dose equivalente recebida pelo trabalhador para todo o corpo é muito baixa, da ordem de 1 microsievert, ou seja, 20 mil vezes inferior ao limite anual regulamentar ".    

"Após aconselhamento médico, este evento não tem impacto na saúde do trabalhador, dada a duração relativamente curta da exposição e a dimensão muito pequena da partícula. (...) O funcionário vai beneficiar nos próximos meses, como precaução, de um acompanhamento médico adequado", assegura a EDF. 


O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.