Escolha as suas informações

Toyota vai começar a construir a "cidade do futuro", no Japão
Sociedade 07.01.2020

Toyota vai começar a construir a "cidade do futuro", no Japão

Toyota vai começar a construir a "cidade do futuro", no Japão

AFP
Sociedade 07.01.2020

Toyota vai começar a construir a "cidade do futuro", no Japão

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
A cidade vai chamar-se "Woven City" e será totalmente livre de emissões de CO2.

A Toyota revelou planos para construir a sua "cidade do futuro", um local completamente sustentável no Monte Fuji, no Japão. 

O protótipo da cidade foi anunciado numa feira de tecnologia nos Estados Unidos. O fabricante de carros japonês anunciou que a "Woven City" (referência às origens da empresa como fabricante de teares), que vai começar a ser construída para o ano, vai hospedar uma "comunidade futurista" de 2.000 pessoas que vão usar a tecnologia da internet em praticamente todos os aspectos da vida do dia-a-dia, avança o jornal britânico The Guardian.

AFP

A cidade vai ser alimentada a hidrogénio e será sobretudo um enorme laboratório vivo para carros autónomos, robótica e inteligência artificial. 

Bjarke Ingels é o arquiteto dinamarquês responsável pelo projeto. O seu escritório desenhou o segundo World Trade Centre, em Nova Iorque, e os escritórios da Google, em Silicon Valley e Londres. 

AFP

 "Soluções de mobilidade conectadas, autónomas, livres de emissões e compartilhadas estão destinadas a desencadear um mundo de oportunidades para novas formas de vida urbana", disse Ingels. 

 O chefe executivo da Toyota, Akio Toyoda, descreveu a visão utópica como o seu "campo pessoal de sonhos". O executivo acredita que é o dever destas empresas colaborar para a sustentabilidade do planeta. "Sabes que se construíres, eles virão. Acredito que cabe a todos nós, especialmente corporações como a Toyota, fazer a nossa parte para ajudar a tornar o mundo um lugar melhor. Woven City é um pequeno mas esperançosamente significativo passo para cumprir essa promessa". 

Os edifícios vão ser construídos sobretudo em madeira, para minimizar a pegada de carbono. "Os telhados serão cobertos com painéis fotovoltaicos para gerar energia solar, além da energia gerada por células de hidrogénio combustível", explicou a Toyota.

Outras empresas estão livres para colaborar no projeto, se quiserem, e cientistas e pesquisadores de todo o mundo a usar Woven City como sua "incubadora do mundo real", garantiu Akio. 


Notícias relacionadas