Escolha as suas informações

Rentrée escolar em setembro no Luxemburgo poderá ser sem máscara
Sociedade 28.06.2021
Ministro da Educação

Rentrée escolar em setembro no Luxemburgo poderá ser sem máscara

Ministro da Educação

Rentrée escolar em setembro no Luxemburgo poderá ser sem máscara

Foto: dpa
Sociedade 28.06.2021
Ministro da Educação

Rentrée escolar em setembro no Luxemburgo poderá ser sem máscara

Susy MARTINS
Susy MARTINS
Os menores a partir dos 12 anos vão começar esta semana a receber um convite para a vacinação contra a covid-19.

O ministro da Educação, Claude Meisch, admitiu em entrevista recente à RTL que as máscaras poderão deixar de ser uma realidade nas salas de aula já a partir do próximo ano letivo, que começa em setembro.

As infeções por SARS-CoV-2 têm diminuído no Luxemburgo, uma situação que se espelha também nas escolas, com os casos a decrescer nas últimas semanas. Na semana de 14 a 20 de junho por exemplo, foram registadas 38 infeções nas escolas do país, menos 21 casos do que na semana anterior.

A partir de 13 de junho o uso da máscara deixou ser obrigatório no recreio das escolas do Grão-Ducado, mas continua a ser imposta dentro das salas de aula.   

Em entrevista à RTL Claude Meisch diz que as máscaras poderão por isso deixar de fazer parte do dia-a-dia de estudantes e alunos, já a partir de setembro, mas alerta que tudo vai depender da situação sanitária após as férias de verão. Dando o exemplo do foco de contaminação com a variante Delta (indiana) na escola fundamental de Frisange, Meisch considera que é preciso continuar a ser vigilante em relação à covid-19. Uma das possibilidades poderia ser, segundo Meisch, usar a máscara apenas em caso de infeções num estabelecimento. 


Vacinação de menores. Primeiros 25 mil convites chegam para a semana
Vai arrancar a campanha de vacinação para os adolescentes e jovens do Luxemburgo. Os primeiros 25 mil convites vão ser enviados a partir de dia 29. A vacinação continua a não ser obrigatória.

O responsável pela pasta do Ensino espera que com o início da vacinação para os jovens entre os 12 e 18 anos, a situação poderá melhorar, pelo menos nos liceus, um dado que deixa Meisch mais otimista para a próxima rentrée escolar. Os menores a partir dos 12 anos vão começar esta semana a receber um convite para a vacinação contra a covid-19.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas