Escolha as suas informações

Reino Unido. Leicester volta ao confinamento para controlar aumento de casos
Sociedade 30.06.2020

Reino Unido. Leicester volta ao confinamento para controlar aumento de casos

Reino Unido. Leicester volta ao confinamento para controlar aumento de casos

AFP
Sociedade 30.06.2020

Reino Unido. Leicester volta ao confinamento para controlar aumento de casos

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Morreram 43 mil pessoas no Reino Unido desde o inicio da pandemia de coronavírus.

Na passada segunda-feira, o governo britânico ordenou que escolas e lojas não essenciais de Leicester fechassem portas, após ser detatado um novo surto de covid-19. 

Matt Hancock, secretário da Saúde, disse que as medidas a nível nacional que estão a ser tomadas para aliviar o confinamento dos últimos meses não passariam por Leicester, onde a taxa de infecção é três vezes superior à da próxima cidade mais afetada. 

"Infelizmente, enquanto os casos na maior parte do país caíram, em Leicester continuaram a aumentar", disse Hancock ao parlamento, após reunião com os líderes locais. 

O secretário afirmou que as escolas, que só reabriram para algumas crianças a um de junho, fecham já a partir de quinta-feira. Também as lojas que abriram há apenas duas semanas seriam fechadas a partir de hoje (terça-feira). 

Os planos para reabrir pubs, restaurantes e sítios culturais a 4 de julho, próximo sábado, ficam sem efeito. "Temos de controlar este vírus. Temos de manter as pessoas seguras. Estas acções são também de profundo interesse nacional. Porque é do interesse de todos que controlemos o vírus o mais localmente possível", disse Hancock. 

Morreram 43 mil pessoas no Reino Unido desde o inicio da pandemia de coronavírus. 


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.