Escolha as suas informações

Portugal é país mais pesquisado no Google e passa para 1.º nas apostas
Sociedade 2 min. 12.05.2017 Do nosso arquivo online
Eurovisão

Portugal é país mais pesquisado no Google e passa para 1.º nas apostas

Salvador Sobral, representante de Portugal
Eurovisão

Portugal é país mais pesquisado no Google e passa para 1.º nas apostas

Salvador Sobral, representante de Portugal
Sociedade 2 min. 12.05.2017 Do nosso arquivo online
Eurovisão

Portugal é país mais pesquisado no Google e passa para 1.º nas apostas

Portugal é o país mais pesquisado no motor de busca Google dos 26 que disputam no sábado a final da edição deste ano do Festival Eurovisão da Canção e passou hoje para primeiro lugar nas casas de apostas.

Portugal é o país mais pesquisado no motor de busca Google dos 26 que disputam no sábado a final da edição deste ano do Festival Eurovisão da Canção e passou hoje para primeiro lugar nas casas de apostas.

Num comunicado hoje divulgado, a multinacional tecnológica Google referiu que, “segundo as pesquisas no [motor de busca] Google, Portugal é o país mais pesquisado entre todos os países participantes no Festival da Eurovisão 2017”.

No 'site' eurovisionworld.com, que faz uma média de várias casas de apostas, Portugal encontrava-se desde 06 maio no segundo lugar do pódio. Hoje destronou Itália do primeiro lugar ocupava desde 18 de fevereiro.

No mesmo 'site' é perguntado aos internautas quem irá vencer o festival: até hoje, 20% escolhiam Portugal, 15% Itália e 08% a Bélgica.

Portugal é representado na final do Festival Eurovisão da Canção, que decorre no sábado em Kiev, na Ucrânia, pelo cantor Salvador Sobral com a canção “Amar pelos dois”. A cerimónia pode ser acompanhada em direto na RTP e no Youtube a partir das 21:00 (hora do Luxemburgo).

No ranking hoje divulgado pela Google, o segundo país mais pesquisado, dos finalistas do concurso, é a Austrália e o terceiro a Bélgica. O favorito à vitória do festival este ano, Itália, surge em sétimo lugar.

A final do Festival Eurovisão da Canção é disputada no Centro Internacional de Exposições de Kiev, na Ucrânia, por 26 países - Portugal, Moldávia, Azerbaijão, Grécia, Suécia, Polónia, Arménia, Austrália, Chipre, Bélgica (apurados na primeira semifinal), Áustria, Roménia, Holanda, Hungria, Dinamarca, Croácia, Noruega, Bielorrússia, Bulgária, Israel (apurados na segunda semifinal), França, Alemanha, Itália, Espanha, Reino Unido (os denominados ‘Cinco Grandes’) e a Ucrânia (país anfitrião) - e Salvador Sobral atua na primeira parte da cerimónia.

A melhor classificação portuguesa num Festival da Eurovisão foi obtida por Lúcia Moniz, em 1996, com a música “O meu coração não tem cor”, tendo esta sido também a última vez que Portugal ocupou um lugar no top 10.

Este ano assinala-se a 62.ª edição do concurso, no qual Portugal participou a primeira vez em 1964, tendo entretanto falhado cinco edições (em 1970, 2000, 2002, 2013 e 2016).

Há vários anos que Portugal não conquistava a oportunidade de competir na final do concurso. A última, foi em 2010 com “Há dias assim”, cantada por Filipa Azevedo.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Com honrosa exceção de Salvador Sobral e um 6º lugar de Lúcia Moniz, o historial das participações portuguesas no Festival Eurovisão da Canção são uma espécie de psicose depressiva. No entanto, histórias não faltam. Eis algumas ocultas.
Este ano todas as esperanças estão concentradas em Maro, com o tema "Saudade, Saudade".
Portugal está na final da 65.ª edição do Festival Eurovisão da Canção com a canção “Love Is On My Side”, interpretada pelos The Black Mamba, e que vai decorrer no sábado, em Roterdão (Países Baixos). Reveja aqui a atuação da banda portuguesa.