Escolha as suas informações

Nova escola internacional abre mais turmas para fazer face à procura
Sociedade 03.08.2022
Ensino

Nova escola internacional abre mais turmas para fazer face à procura

Ensino

Nova escola internacional abre mais turmas para fazer face à procura

Foto: Getty Images/Maskot
Sociedade 03.08.2022
Ensino

Nova escola internacional abre mais turmas para fazer face à procura

Susy MARTINS
Susy MARTINS
A nova escola Gaston Thorn é a sexta escola pública deste tipo no Grão-Ducado. Abre portas já em setembro.

A nova escola internacional Gaston Thorn, que abre portas em setembro na capital, está a suscitar grande interesse sobretudo pelos pais com filhos que vão integrar o ensino fundamental. 

Até à data há 300 alunos pré-inscritos para integrar o primeiro ano do ensino fundamental. De tal modo que para conseguir satisfazer a grande procura, o Ministério da Educação decidiu abrir mais duas turmas que o inicialmente previsto. Na prática, no ensino fundamental passarão a existir nove turmas em vez das sete que estavam planeadas.


Exames no Luxemburgo
Nova escola pública no Luxemburgo vai oferecer programa de francês gratuito
As escolas públicas do Luxemburgo estão a oferecer cada vez mais opções para a educação internacional.

As escolas europeias públicas são gratuitas e os alunos podem escolher entre três línguas de ensino: inglês, francês ou alemão. Em paralelo, o luxemburguês é obrigatório como disciplina, desde a primeira classe do ensino primário (P1) até à terceira classe do secundário (S3).

A nova escola primária Gaston Thorn, não vai, no entanto, ter secção de alemão por falta de inscrições. Já as secções de francês e inglês têm tido maior procura.


Ajuda aos trabalhos de casa vai aliviar pais com dificuldades linguísticas
Saiba mais sobre o projeto do Governo que quer "promover justiça social".

A escola internacional Gaston Thorn torna-se na sexta escola pública deste tipo no Grão-Ducado. No ano letivo passado cerca de 4.600 alunos frequentaram este tipo de ensino.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Até ao final da semana, 137.758 alunos regressam às aulas no Luxemburgo, dos quais 48.176 ingressam esta quinta-feira, 15 de Setembro, no ensino fundamental, de acordo com os números divulgados esta terça-feira pelo Ministério da Educação Nacional.
As escolas públicas abrem as portas esta quinta-feira
A Escola Internacional de Differdange (EIDD) começa a funcionar na segunda-feira, dia 12 de Setembro. Os alunos das primeiras nove turmas chegam este mês e, gradualmente, virão os restantes 1.400 até 2018, ano em que a escola deverá estar definitivamente concluída. Para este primeiro ano lectivo foram contratados 18 professores.
Os portugueses são a segunda nacionalidade mais representada na nova escola, com 25 alunos entre os 110 inscritos. Apesar disso, por falta de interesse na língua portuguesa, a escola arranca sem aulas de português no primário
O regresso às aulas no Luxemburgo arrancou esta segunda-feira, com centenas de escolas primárias a reabrirem as portas a 46.870 alunos. Na terça, foi a vez dos alunos do sétimo ano do liceu, com os restantes alunos do secundário (41.063) a regressarem às aulas esta quarta-feira. O CONTACTO acompanhou o primeiro dia de aulas dos alunos portugueses na maior escola primária do país, em Esch-sur-Alzette. Um dia de “nervos” e ansiedade para a maioria das crianças.
15.09.10 rentree scolaire schulbeginn 2010, primaerschule hesperange grundschule ecole primaire, eleves schule schueler education bildung, photo: Marc Wilwert