Escolha as suas informações

Nesat Bego. Criminoso mais procurado do Luxemburgo foi detido na Bélgica
Sociedade 13.11.2020 Do nosso arquivo online

Nesat Bego. Criminoso mais procurado do Luxemburgo foi detido na Bélgica

Nesat Bego. Criminoso mais procurado do Luxemburgo foi detido na Bélgica

Foto: Europol
Sociedade 13.11.2020 Do nosso arquivo online

Nesat Bego. Criminoso mais procurado do Luxemburgo foi detido na Bélgica

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Bego foi condenado no Grão-Ducado por abuso sexual de crianças.

A Europol confirmou a prisão de Nesat Bego, de origem sérvia, na Bélgica. O homem de origem sérvia, nascido a 25 de Julho de 1978, tinha sido condenado em 2019, pela Divisão Penal do Tribunal Distrital do Luxemburgo, a cinco anos de prisão por ter cometido crimes de agressão sexual a crianças, em 2016. 

A operação da Europol deste Outono intitulada "Alguns dos agressores sexuais mais perigosos da Europa" foi lançada a 27 de outubro e Bego estava na lista como o criminoso mais procurado do Luxemburgo. 

A agência europeia de polícia divulgou fotos e informações sobre os suspeitos e condenados por agressões sexuais, com a polícia de vários países a pedir a ajuda do público para localizar estes fugitivos. 

Apenas dois dias após o início da campanha, Bego encontrou-se às autoridades luxemburguesas, contactando a Unidade de Busca de Fugitivos do Serviço de Polícia Judiciária no Luxemburgo, a 29 de outubro. Na altura, estava na Sérvia. 

A 12 de Novembro de 2020, Nesat Bego deixou a Sérvia para ser transferido por avião para Bruxelas onde foi detido pela Polícia Federal Belga.

O Ministério Público em Bruxelas foi notificado desta detenção. O Serviço de Execução de Sentenças do Ministério Público enviará o mandado de captura europeu às autoridades judiciais belgas com vista à entrega de Nesat Bego que será encaminhado para o Centro Prisional do Luxemburgo em Schrassig.



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas