Escolha as suas informações

Neimënster assinala Dia Internacional dos Direitos das Mulheres
Sociedade 01.03.2021

Neimënster assinala Dia Internacional dos Direitos das Mulheres

Neimënster assinala Dia Internacional dos Direitos das Mulheres

Foto: Pixabay
Sociedade 01.03.2021

Neimënster assinala Dia Internacional dos Direitos das Mulheres

É já a partir de 7 de março que a Abadia de Neimënster se "abre aos feminismos de todo o mundo". O objetivo é "abanar as ideias preconcebidas sobre as lutas das mulheres noutros continentes". A programação também se estende a dia 8.

Com uma oferta cultural diversificada, a Abadia de Neimënster decidiu juntar-se às comemorações do Dia Internacional dos Direitos da Mulher que se assinala já a 8 de de março. Com arranque marcado no domingo anterior, dia 7, o dia começa com um breve concerto oferecido pela pianista Eve Beuvens. 

Antes da mesa redonda que pretende juntar "oradores de todo o mundo" para discutir as vitórias e as metas do feminismo, está prevista a exibição da série documental Women, produzida pela iniciativa Samusocial.  

A iniciativa que a organização decidiu apelidar como "Mobilização intercontinental para o Dia Internacional dos Direitos da Mulher" tem como objetivo central "abanar as ideias preconcebidas sobre as lutas das mulheres noutros continentes" e, por isso mesmo, promete debruçar-se sobre a construção de uma solução comum que garanta a autodeterminação da mulher.  

Considerado um exemplo na erradicação da diferença de género, o Ruanda vai estar em destaque através da exibição em streaming da produção "Learning feminismo from Rwanda", em português "Aprender o feminismo através do Ruanda". 


Sou feminista e não odeio homens!
Feminismo é simplesmente sinónimo de igualdade de género. A crónica semanal de opinião de Jessica Lopes.

No programa também estão incluídos relatos da da Islândia, Noruega, Suécia, Finlândia, Nicarágua, Nova Zelândia, Filipinas, Irlanda e Namíbia. Na apresentação do programa, a organização destaca, de resto, que Neimënster se "abre aos feminismos de todo o mundo". O calendário está disponível aqui.  

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.