Escolha as suas informações

Mosquito tigre avistado pela primeira vez no Luxemburgo
Sociedade 2 min. 03.09.2022
Transmissor de doenças

Mosquito tigre avistado pela primeira vez no Luxemburgo

Transmissor de doenças

Mosquito tigre avistado pela primeira vez no Luxemburgo

Foto: Shutterstock
Sociedade 2 min. 03.09.2022
Transmissor de doenças

Mosquito tigre avistado pela primeira vez no Luxemburgo

Madalena QUEIRÓS
Madalena QUEIRÓS
Nos próximos dias, as autoridades luxemburguesas, com o apoio de um perito, avaliarão a situação no local, bem como estabelecerão um plano de prevenção e um sistema de monitorização e erradicação.

O Ministério da Saúde informa que foi detetada uma população do mosquito tigre "Aedes albopictus" em dois locais no território da Comuna de Roeser. Esta primeira aparição do mosquito tigre no Grão-Ducado foi confirmada por um perito internacional na matéria. De acordo com a informação atual, este é um fenómeno limitado. 


 Le chikungunya, la dengue, ou encore le virus Zika, sont des maladies qui planent au-dessus de nos têtes avec l'arrivée de l'insecte dans nos contrées.
Chegada do mosquito tigre asiático ao Luxemburgo "é inevitável"
O mosquito tigre asiático é particularmente preocupante por causa das doenças que pode transmitir, como a dengue e o Zika. Já foi avistado nos países vizinhos.

O mosquito tigre não se move muito longe e geralmente não viaja mais de cem metros à volta do seu local de nascimento. A utilização de inseticidas está atualmente a ser considerada. 

No entanto, a erradicação seria conseguida principalmente através da eliminação de potenciais habitats

Nos próximos dias, as autoridades luxemburguesas, com o apoio de um perito, avaliarão a situação no local, bem como estabelecerão um plano de prevenção e um sistema de monitorização e erradicação. 

Cartão de identidade 

O Aedes albopictus, vulgarmente conhecido como o mosquito tigre, é um inseto invasor nativo das florestas tropicais do sudeste asiático. O mosquito tigre pode ser reconhecido pela sua silhueta negra e listras brancas no abdómen e nas pernas. É geralmente pequeno, de menos de um centímetro de tamanho. O mosquito tigre já foi avistado noutros países europeus, mas esta é a primeira vez que é detetado no Luxemburgo. 

O mapa da proliferação do Aedes albopictus na Europa pode ser consultado no sítio Web do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC).

Que riscos representa o mosquito tigre? 

O mosquito tigre pode transmitir certas doenças tropicais. A fim de transmitir tais doenças, o mosquito deve primeiro infetar-se a si próprio, retirando sangue de uma pessoa doente. A Direção de Saúde não tem provas que sugiram que seja este o caso. No entanto, é aconselhável pôr em prática medidas preventivas e tentar eliminar este mosquito. 

Ao contrário dos mosquitos locais, que geralmente picam à noite e dentro das nossas casas, o mosquito tigre morde durante o dia, principalmente de manhã e à noite, e é silencioso. 

 Para evitar picadas de mosquitos, o uso de roupa solta, comprida, cobrindo e aplicando repelente de mosquitos continuam a ser as medidas preventivas mais eficazes. Não há necessidade de tratar as picadas de mosquito tigre de forma diferente do que os mosquitos nativos. 

Como posso evitar que os mosquitos se propaguem em minha casa? 

Os mosquitos (tigre e não-tigre) põem os seus ovos nas margens de pequenos volumes de água estagnada, rica em matéria orgânica e sem predadores naturais (locais de reprodução ou de nidificação). Gostam particularmente de água que se recolhe em pires, vasos de flores, caleiras bloqueadas e pneus velhos. 

Graças ao seu rápido desenvolvimento larvar (10 a 20 dias), podem colonizar habitats muito efémeros. É necessária uma vigilância constante, incluindo a drenagem de água estagnada e a remoção de qualquer objeto que se possa tornar num recipiente de água, para os impedir. 

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas