Escolha as suas informações

Morreu Sergio Marchionne

Morreu Sergio Marchionne

Foto: AFP
Sociedade 25.07.2018

Morreu Sergio Marchionne

Considerado o responsável pela recuperação da Fiat e pela fusão com a Chrysler em 2009, liderava o grupo desde 2004.

Sergio Marchionne, que liderava o grupo Fiat Chrysler (FCA) desde 2004, tendo sido um dos CEO com maior longevidade na indústria automóvel, morreu hoje, aos 66 anos, depois de complicações de uma intervenção cirúrgica.

Com diversas manobras empresariais arriscadas, Marchionne foi capaz de multiplicar por 11 o valor da Fiat ao mesmo tempo que resistia a vender marcas como a Jeep e assumia a entrada da Ferrai no mercado bolsista.

Sob a sua liderança, a faturação passou de 47 mil milhões em 2004 para 141 mil milhões de euros no ano passado, enquanto o prejuízo de 1,5 mil milhões também em 2004 se transformava num lucro líquido de 4,4 mil milhões em 2017.

No último sábado já fora anunciado que Mike Manley, de 54 anos e responsável pela Jeep desde 2009, seria o seu substituto no cargo de presidente-executivo da FCA. Por outro lado, na Ferrari será John Elkann a liderar o conselho, enquanto Louis Camilleri irá desempenhar as funções de CEO, cargos que Marchionne acumulava.


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.