Escolha as suas informações

Justiça italiana investiga Cristiano Ronaldo
Sociedade 26.10.2020

Justiça italiana investiga Cristiano Ronaldo

Justiça italiana investiga Cristiano Ronaldo

Foto: AFP
Sociedade 26.10.2020

Justiça italiana investiga Cristiano Ronaldo

Ana Patrícia CARDOSO
Ana Patrícia CARDOSO
Em causa está um voo entre Lisboa e Turim, depois de Ronaldo saber que estava infetado com covid-19. O avião é de uma companhia do Luxemburgo.

Há duas semanas, Cristiano Ronaldo voou de Lisboa para Turim com a empresa Luxembourg Air Rescue, depois de testar positivo para o coronavírus. 

Segundo o craque português, todas as leis foram respeitadas. "Regressei de Portugal depois dos dirigentes da Juventus e fiz questão de obedecer a todas as regras. Voltei com um avião-ambulância e não tive contato com ninguém, nem mesmo em Turim."


Covid-19. Ronaldo viajou em voo privado da Luxembourg Air Rescue
DGS garante que viagem de Ronaldo depois de teste positivo cumpre normas de saúde europeias e não custou nada ao Serviço Nacional de Saúde

"Cristiano Ronaldo regressou à Itália num voo médico autorizado pelas autoridades sanitárias competentes, a pedido do jogador, e continuará o seu isolamento em casa”, indicou a Juventus, clube do jogador, em comunicado na sua página oficial.  

A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, esclareceu também que a viagem que Ronaldo realizou para Turim, onde tem a sua residência, depois de ter sido testado positivo à covid-19, segue as mesmas regras sanitárias aplicadas "a qualquer outra pessoa".

O Governo italiano parece não ter a mesma opinião. O ministro do Desporto italiano, Vincenzo Spadafora, declarou que o Ministério Público está a investigar o jogador português e que "mesmo que este seja muito talentoso, isto não lhe dá o direito de ser arrogante e desrespeitoso para com as autoridades e de mentir", disse Spadafora à agência noticiosa ANSA, citada pela edição alemã do Luxemburger Wort. O jogador rejeita as acusações. 


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas