Escolha as suas informações

Instagram muda a sua política sobre seios, mas não muito
Sociedade 28.10.2020

Instagram muda a sua política sobre seios, mas não muito

Instagram muda a sua política sobre seios, mas não muito

Foto: DR
Sociedade 28.10.2020

Instagram muda a sua política sobre seios, mas não muito

Redação
Redação
A plataforma é regularmente acusada de excesso de pudor e, sobretudo, de falta de objetividade na aplicação das suas regras sobre a nudez.

A rede social Instagram anunciou que vai atualizar a sua política de nudez, nomeadamente em relação às fotos de seios, em resposta a uma campanha de uma modelo de tamanho grande, que se queixou de discriminação.

A plataforma é regularmente acusada de excesso de pudor e, sobretudo, de falta de objetividade na aplicação das suas regras sobre a nudez.

As regras proíbem "grandes planos de nádegas totalmente expostas" e "mamilos de mulheres descobertos", mas em vários casos a moderação removeu fotografias de mulheres nuas mostrando as suas formas e protuberâncias ou cobrindo os seus seios.

"Não permitimos imagens com mulheres a comprimirem os seios [com as mãos] porque está frequentemente associada a conteúdos pornográficos, mas sabemos que cometemos erros na forma como tem sido aplicada, especialmente no que diz respeito à comunidade de pessoas com um tamanho maior", disse uma porta-voz da rede social numa declaração à AFP na terça-feira.

Estas regras tinham sido denunciadas numa campanha liderada pela supermodelo britânica Nyome Nicholas-Williams, entre outros, que promove a moda inclusiva.

Com a nova atualização, o conteúdo em que uma pessoa abraça ou simplesmente segura os seus seios será permitido.

Ver essa foto no Instagram

WE FUCKING DID IT!! @ginamartin @alex_cameron and I...we changed an Instagram policy! Look what happens when three women set out to change the world! We have put our heart and souls into this campaign and to see it come to fruition is insane! The observer newspaper (which is out today) has covered the campaign from the beginning and have written another article which highlights the hard work Gina, Alex and I have done (although it states they launched the campaign) this is in fact not the case as Gina, Alex and myself strategised for three months to ensure a change would happen. Hang tight for the full details of the policy change, as I will be detailing more information soon. We worked very hard on this and managed to get Instagram and @mosseri attention and there's still a lot of work to be done, as black plus sized women continue to be censored in many ways; and white women STILL tried to hijack and make it their campaign. There is of course a huge racial imbalance in the algorithm that still exists as white bodies are promoted and don't have to worry about censorship of their posts but black bodies still have to justify presence on the platform, this has also been brought to Instagrams attention! But when we put our minds to it... we can achieve literally ANYTHING!! I’d like to thank the 16 amazing humans that put their names to our open letter and that helped us push our campaign forward! The Instagram policy changes on the 28th, it outlines the difference between 'breast holding' or 'cupping' which is a celebration of body and 'breast grabbing' which is deemed to be pornographic, these images are censored to protect underage users but this policy change should allow them to better differentiate self expression/ art from pornographic content. Hopefully this policy change will bring an end to the censorship of fat black bodies. The last three have been absolutely wild to say the least but we move and move things we did! 🙌🏽💫

Uma publicação compartilhada por Nyome Nicholas - Williams (@curvynyome) em

"Esperemos que esta mudança de política acabe com a censura dos corpos negros e gordos", disse a modelo, na sua conta de Instagram.

A porta-voz da rede social frisou que "ter o ´feedback` dos membros da comunidade ´+corpo positivo+`" ajudou o Instagram "a compreender as limitações desta política" e como poderia ser melhorada.

A iniciativa foi também elogiada pela DJ Leslie Barbara Butch, cuja foto de primeira página na revista francesa Télérama, sobre discriminação de pessoas com peso a mais, tinha sido censurada pela rede social.

"Esta regra finalmente caiu" e "estará realmente em vigor na quarta-feira", a DJ numa publicação em língua francesa sobre o Instagram, desafiando os seguidores a verificar se o funcionamento da rede social está em conformidade com as medidas anunciadas.

Com AFP e Lusa

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Vaticano: Papa publica primeira mensagem no Instagram
O papa Francisco enviou hoje a sua primeira mensagem escrita pelo próprio punho aos seguidores na rede social Instagram, na qual assegurou que os tem nas suas orações e pediu ainda, como sempre faz, para que rezem por ele.
O papa abriu a sua conta no Instagram em março e, desde então, publicou 59 fotos e vídeos, contando com 2,3 milhões de seguidores.