Escolha as suas informações

Governo britânico emite passaportes sem as palavras 'União Europeia'
Sociedade 06.04.2019

Governo britânico emite passaportes sem as palavras 'União Europeia'

Governo britânico emite passaportes sem as palavras 'União Europeia'

Foto: AFP
Sociedade 06.04.2019

Governo britânico emite passaportes sem as palavras 'União Europeia'

O Ministério britânico fez este anúncio depois de alguns britânicos terem divulgado no Twitter imagens de novos passaportes.

O Reino Unido começou a emitir a 30 de março passaportes sem as palavras “União Europeia” na capa do documento, anunciou hoje o Ministério do Interior britânico, apesar de a saída da UE ainda não ter ocorrido.

Numa dessas mensagens, publicada pelo diário The Guardian, Susan Hindle Barone declarou-se “verdadeiramente chocada”.

“Passaportes sem as palavras União Europeia foram colocados em circulação a 30 de março”, anunciou uma porta-voz do Ministério do Interior num comunicado.

“A fim de escoar os ‘stocks’ existentes, passaportes com a menção União Europeia continuarão a ser emitidos durante um curto período após essa data”, acrescentou, sublinhando que “os dois modelos são válidos para viajar”.

O Reino Unido deveria ter saído da UE a 29 de março, dois anos depois de ativar o artigo 50.º do Tratado de Lisboa, que rege a saída de um Estado-membro.

Mas, em março, a primeira-ministra, Theresa May, pediu um adiamento da data para evitar uma saída sem acordo, depois de o parlamento britânico ter chumbado por duas vezes o acordo de saída negociado com Bruxelas.

A data está nesta altura marcada para 12 de abril, mas May voltou na sexta-feira a pedir um adiamento até 30 de junho, pedido que ainda não foi aceite pelos restantes 27 Estados-membros.

O formato comum dos passaportes dos países-membros foi decidido por uma resolução do Conselho Europeu de 1981 para “reforçar o sentimento dos cidadãos de pertença a uma mesma comunidade” e para facilitar a sua circulação.

A cor dos passaportes – cor de vinho – foi um dos aspetos comuns introduzidos e os passaportes agora emitidos por Londres sem a menção à União Europeia mantêm essa cor.

Segundo o Ministério do Interior britânico, os passaportes de capa azul escura, a usada no país antes da uniformização, voltarão a ser emitidos “a partir do final de 2019”.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Parlamento britânico rejeita saída da UE sem acordo
Assim, e com a opção de sair sem acordo rejeitada pelos deputados britânicos, na quinta-feira a Câmara dos Comuns deverá votar um pedido à UE de prorrogação do processo do ‘Brexit' para depois de 29 de março.