Escolha as suas informações

Coronavírus já matou perto de 450 pessoas
Sociedade 04.02.2020 Do nosso arquivo online

Coronavírus já matou perto de 450 pessoas

Coronavírus já matou perto de 450 pessoas

AFP
Sociedade 04.02.2020 Do nosso arquivo online

Coronavírus já matou perto de 450 pessoas

Lusa
Lusa
Há mais de 20 mil infetados só na província de Hubei, considerada o berço do vírus.

O número de mortos provocados pelo novo coronavírus subiu, esta terça-feira, para 426, com 64 mortes na China registadas nas últimas 24 horas, anunciaram as autoridades de Pequim.  

O número total de pessoas infetadas com o novo coronavírus detetado em dezembro passado, em Wuhan, capital da província de Hubei (centro), colocada sob quarentena, aumentou para 20.438.

A Comissão Nacional de Saúde chinesa acrescentou que 2.788 dos casos de infeção são considerados graves, enquanto 632 pessoas conseguiram superar a pneumonia provocada pelo vírus e já tiveram alta.

Ao todo, mais de 220.000 pessoas que estiveram em contacto com o vírus tiveram acompanhamento médico e mais de 171.000 ainda continuam sob observação.

Todos os novos casos registados hoje foram detetados na província de Hubei.

A primeira pessoa a morrer por causa do novo coronavírus fora da China foi um cidadão chinês nas Filipinas.

Além do território continental da China e das regiões chinesas de Macau e Hong Kong, há mais casos de infeção confirmados em 24 outros países.

A Organização Mundial de Saúde declarou na quinta-feira uma situação de emergência de saúde pública de âmbito internacional, o que pressupõe a adoção de medidas de prevenção e coordenação à escala mundial.


Notícias relacionadas

Coronavírus. Primeiro caso registado na Bélgica
As autoridades da Bélgica confirmaram hoje o primeiro caso no país do novo coronavírus (2019-nCoV) numa pessoa que foi repatriada da cidade chinesa de Wuhan, foco de um surto da doença, que já matou 426 pessoas.