Escolha as suas informações

Casal grão-ducal marca o arranque da semana contra a violência sobre as mulheres e raparigas
Sociedade 7 2 min. 22.11.2021
"Orange Week"

Casal grão-ducal marca o arranque da semana contra a violência sobre as mulheres e raparigas

"Orange Week"

Casal grão-ducal marca o arranque da semana contra a violência sobre as mulheres e raparigas

Foto: Maison du Grand-Duc/Sophie Margue
Sociedade 7 2 min. 22.11.2021
"Orange Week"

Casal grão-ducal marca o arranque da semana contra a violência sobre as mulheres e raparigas

Ana TOMÁS
Ana TOMÁS
No sábado, a marcha da solidariedade que se realizou em Esch-sur-Alzette reuniu várias figuras do Estado e ativistas de organizações que combatem a violência contra as mulheres. A iniciativa marca de forma simbólica a "Orange Week", que decorre de 25 de novembro a 10 de dezembro.

Este sábado, o casal grão-ducal encabeçou a marcha de solidariedade que marcou o arranque simbólico da "Orange Week" (Semana Laranja), que se assinala de 25 de novembro (Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra Mulheres e Raparigas) a 10 de dezembro, com várias iniciativas já a decorrer desde o fim de semana. 

Em Esch-sur-Alzette, ao lado da ministra da Igualdade, Taina Bofferding, o Grão-Duque Henri e a Grã-Duquesa Maria Teresa desfilaram numa marcha que reuniu também ativistas e organizações que combatem a violência sistémica contra as mulheres e as raparigas. Recorde-se que a Grão-Duquesa é, ela própria, ativista desta causa, tendo sido homenageada em setembro passado pelas Nações Unidas como Campeã da Luta contra a Violência Sexual em contexto de Conflitos, pelo seu compromisso com a organização sem fins lucrativos que fundou, a "Stand Speak Rise Up!".

A "Orange Week", lançada em 2008 pela ONU, realiza-se pela quinta vez no Luxemburgo, promovida pelo Conseil National des Femmes du Luxembourg (CNFL). Ao longo da semana procura-se sensibilizar a sociedade para o problema da violência contra mulheres e meninas, com o objetivo de acabar com a violência sexista, através de várias ações.

Filme português "Carga" faz parte do programa de atividades

Antes mesmo do arranque da "Orange Week" (25 de novembro a 10 de dezembro) são levadas a cabo várias iniciativas. Além da marcha de sábado, estão marcadas ações como formações e webinaires, entre os quais o seminário "Man Engage Against Violence" ("O Envolvimento do Homem contra a Violência", no dia 24, às 10h30, no Tribunal de Contas Europeu.


Pulseira eletrónica móvel vai passar a ser aplicada aos crimes de violência doméstica
Ministérios da Igualdade, Justiça e Segurança Interna apresentaram estratégia conjunta para combater violência doméstica. Conheça as principais medidas.

Há ainda lançamentos de livros, exposições, debates, e ações realizadas na Universidade do Luxemburgo. As conferências e o cinema também fazem parte do programa. A projeção do filme português, "Carga", sobre o tráfico de mulheres para fins sexuais, é um dos destaques. A produção de 2018 realizada por Bruno Gascon e que conta com as participações dos atores Rita Blanco, Vítor Norte e da modelo Sara Sampaio, é exibida no dia 2 de dezembro, no Forum Geesseknäppchen, na Cidade do Luxemburgo, e será seguida de discussão sobre o tema.

Para assinalar a "Orange Week", as entidades promotoras e associadas, convidam ainda todos os interessados a juntarem-se à campanha contra a violência sobre as mulheres e raparigas, através das redes sociais, postando selfies com símbolo da campanha ou com um objeto laranja.

Mais informações sobre a semana da campanha e o programa completo podem ser consultados no site oficial da CNFL


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas