Escolha as suas informações

Burgomestre Natalie Silva e cabeleireiro Tony Rocha distinguidos em Lisboa
Natalie Silva

Burgomestre Natalie Silva e cabeleireiro Tony Rocha distinguidos em Lisboa

Foto: Lex Kleren
Natalie Silva
Sociedade 3 min. 30.11.2018

Burgomestre Natalie Silva e cabeleireiro Tony Rocha distinguidos em Lisboa

Henrique DE BURGO
Henrique DE BURGO
A burgomestre de Larochette, Natalie Silva, e o cabeleireiro Tony Rocha vão ser distinguidos este sábado em Lisboa, na segunda edição da gala "Cabo Verde Sucesso".

Depois da primeira edição do ano passado nos Estados Unidos, o evento deste ano é dedicado à diáspora cabo-verdiana (que inclui os descendentes) residente na Europa. O objetivo passa por distinguir "os melhores nas mais diversas áreas" e "reconhecer o mérito da comunidade cabo-verdiana na diáspora", refere o Governo de Cabo Verde e a Presidência da República em comunicado conjunto. 

Entre os 15 homenageados, há dois residentes no Luxemburgo. Natalie Silva, luxemburguesa filha de cabo-verdianos, vai ser homenageada na categoria de Cidadania. "É uma grande honra estar entre os nomeados", disse esta sexta-feira Natalie Silva ao Contacto, antes da viagem até Lisboa. "Recebi a novidade da parte da embaixada de Cabo Verde no Luxemburgo e fiquei contente, apesar de considerar o meu percurso normal até chegar a burgomestre no ano passado. Mas é um grande evento que celebra a comunidade cabo-verdiana na Europa e vai ser também uma oportunidade de conhecer outras pessoas", acrescentou a burgomestre de Larochette, nascida no Grão-ducado e filha de pais cabo-verdianos.

Já o conhecido cabeleireiro Tony Rocha vai ser homenageado na categoria de Empreendedorismo. "Acaba por ser um reconhecimento de 33 anos de trabalho e acho esta iniciativa louvável da parte das autoridades de Cabo Verde, porque isto vai também motivar os mais jovens no estrangeiro a continuar a trabalhar para representar o nosso país no mundo. Mas para mim, além de ser uma honra, é uma grande responsabilidade levar o nosso país para a frente", sublinhou Tony Rocha, que viajou também esta tarde para Portugal, na companhia de Natalie Silva e do embaixador de Cabo Verde no Luxemburgo, Carlos Semedo. 

Tony Rocha.
Tony Rocha.
Foto: Marc Wilwert

A grande gala vai ter lugar este sábado no Convento do Beato, em Lisboa, a partir das 18h, com transmissão na RTP África. A sessão de abertura vai estar a cargo do primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva, e do embaixador do arquipélago em Lisboa, Eurico Monteiro. 

Já a sessão de encerramento estará a cargo dos Presidentes da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, e de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa. 

A noite de gala vai ser ainda abrilhantada com atuações musicais de grandes nomes da música cabo-verdiana e portuguesa como Tito Paris, Lura, Boss AC, Raquel Tavares ou Nancy Vieira.

Na categoria Desporto vão ser homenageados Gracelino Barbosa (atleta paralímpico residente em Portugal, campeão do mundo em várias modalidades), Emanuel Bettencourt (veterano karateca residente na Alemanha, penta campeão mundial de "wun hop kuen do") e Luís Tavares (kickboxer nascido na Holanda, considerado o peso pesado nº 10 no mundo pela Combat Press). 

Na categoria Ciência e Tecnologia vão ser distinguidos Jailson Brito Querido (investigador na área da biologia molecular, em Cambridge, Reino Unido), Fernando Barbosa Rodrigues (professor de Antropologia Social na Universidade Complutense de Madrid) e Any Keila Pereira (estudante de Engenharia Informática que venceu este ano, no Porto, o prémio “ICSOFT 2018 Best Position Paper Award” com o artigo “Open Source Data Mining Tools Evaluation Using OSSpal Methodology”).   

Em Empreendedorismo, os prémios vão para Elisabeth Moreno (presidente da filial francesa da líder mundial de vendas de computadores, Lenovo), Tony Rocha (cabeleireiro residente no Luxemburgo, conhecido por pentear famosos no festival de Cannes, em desfiles de alta-costura em Paris e Nova Iorque) e Daniel do Rosário Lopes (empresário). 

Os homenageados em Cidadania e Educação são Annie Lacerda (dirigente da Association CHEDA - Crianças de hoje e de Amanha, em Paris), Natalie Silva (eleita em outubro de 2017 primeira burgomestre lusófona no Luxemburgo, em Larochette) e Elísio Honorato Pinto (presidente da associação Amílcar Cabral, em Castela-Leão, Espanha). 

Por fim, na Cultura vão ser distinguidos Alexandre Monteiro (escritor), Ana Rocha Fernandes (realizadora residente na Alemanha) e Maria Auxiliadora Oliveira (ativista sócio-cultural). 

A nomeação de Natalie Silva e Tony Rocha foi da responsabilidade de um júri que fez a escolha entre 12 nomes propostos pela Embaixada de Cabo Verde no Luxemburgo e pela Federação das Associações Cabo-verdianas no Luxemburgo.



Notícias relacionadas

António Gamito, novo embaixador de Portugal: "Votar nas comunais já é um passo importante"
Recém-chegado ao Grão-Ducado, mas com muita experiência internacional, António Gamito não considera que o voto nas legislativas para os estrangeiros seja um tema do momento. Quanto à questão da indexação salarial para os funcionários, refere que vai “tentar resolver com Lisboa”. E, além da proximidade que pretende manter com a comunidade portuguesa, vem preparado para reforçar o relacionamento bilateral.