Escolha as suas informações

Belugas transportadas pela Cargolux há um ano já estão em "casa"
Sociedade 8 10.08.2020

Belugas transportadas pela Cargolux há um ano já estão em "casa"

Belugas transportadas pela Cargolux há um ano já estão em "casa"

Fotos: Aaron Chown/PA
Sociedade 8 10.08.2020

Belugas transportadas pela Cargolux há um ano já estão em "casa"

As duas belugas que a Cargolux transportou em 2019, da China para a Islândia, já estão em mar aberto à espera da derradeira liberdade.

As baleias beluga, Little Grey e Little White, que foram transportadas da China para a Islândia, pela Cargolux, há um ano, foram recolocadas na sua reserva em águas abertas, este fim de semana. 

De forma gratuita, lembra a reportagem do Luxemburger Wort, a Cargolux associou-se, na altura, às organizações de bem-estar animal Sea Life Trust e Whale and Dolphin Conservation, que fizeram campanha pelas duas baleias fêmeas, à espera, desde 2012, para serem transferidas para uma reserva adequada. 

Depois de uma fase de transição, em que ainda permaneceram em tanques controlados por equipas de especialistas, na Islândia, neste fim de semana, as duas baleias puderam, finalmente, mergulhar na sua nova casa, numa reserva de 32.000 metros quadrados, na baía de Klettsvik, ao largo da pequena ilha de Heimaey. 

Apesar de já estarem em águas abertas, as duas belugas ficarão nessa área limitada e protegida, durante mais um  tempo até se acostumarem ao novo habitat, uma vez que não têm contacto direto com o oceano desde 2011.  

Até agora, tudo decorreu com normalidade, mas o  Sea Life Trust vai continuar a acompanhar e monitorizar a sua evolução até que Little Grey e Little White estejam, finalmente, prontas para serem lançadas em liberdade. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Cargolux transporta baleias do cativeiro até à liberdade
A empresa luxemburguesa vai relatando nas redes sociais a inspiradora viagem destas duas baleias brancas desde o Aquário em Xangai, onde viveram até agora, até à sua nova morada, o santuário marítimo das belugas, na Islândia. Veja o video.