Escolha as suas informações

Ano de 2020 foi o mais quente registado no Luxemburgo desde 1947
Sociedade 03.01.2021 Do nosso arquivo online

Ano de 2020 foi o mais quente registado no Luxemburgo desde 1947

A seca nos últimos meses está a condicionar o resultado das culturas no Luxemburgo.

Ano de 2020 foi o mais quente registado no Luxemburgo desde 1947

A seca nos últimos meses está a condicionar o resultado das culturas no Luxemburgo.
Foto: AFP
Sociedade 03.01.2021 Do nosso arquivo online

Ano de 2020 foi o mais quente registado no Luxemburgo desde 1947

Redação
Redação
Temperatura média foi de 11,3°C e ficou 2°C acima da registada nos período entre 1981 e 2010. Foi também o sétimo ano mais seco e o sexto com mais sol.

O ano de 2020 é o ano mais quente registado no Luxemburgo desde 1947. Segundo o Meteolux, a temperatura média anual foi de 11,3°C, o que fez com que os últimos 12 meses batessem os recordes dos anos de 2018 (11,1 °C) e 2014 (10,8 °C). 

"Com uma temperatura média anual de 11,3 °C, o ano 2020 é o ano mais quente jamais observado na história da estação meteorológica de Luxemburgo-Findel desde 1947", refere o instituto de meteorologia.


Le premier épisode de vague de chaleur devrait durer jusqu'à vendredi.
Luxemburgo. Este foi o 2º agosto mais quente desde 1838
O verão 2020 foi “extremo com uma longa onde de calor em agosto e seca severa em julho”, avança o ministério da agricultura.

O ano 2020 ficou também 2°C acima da temperatura média registada entre 1981 e 2010 (9,3 °C), de acordo com a análise do Meteolux, que confirmou que este último ano foi igualmente seco. 

Sétimo ano mais seco e o sexto com mais sol

Sem bater o recorde de baixa pluviosidade de 1976, 2020 continuou a ser "marcado por um défice pluviométrico significativo", tendo sido o sétimo ano consecutivo com um défice pluviométrico.  "A precipitação anual acumulada é muito inferior à média trienal 1981-2010, que ascende a 896,9 l/m², ou seja, um défice de 108,2 l/m² ao longo do ano", acrescenta a análise do instituto.

Por outro lado, 2020 foi o sexto ano mais soalheiro, com 2030,4 horas de sol registadas, 305,5 horas mais do que o período de referência de 1981 a 2010 (com uma média de 1724,9 horas).


Ano de 2020 foi o terceiro mais quente desde que há registos e ainda pode bater recorde de 2016
Organização Meteorológica Mundial já dá como certo que 2020 tenha sido, pelo menos, o terceiro ano mais quente, mas poderá mesmo vir a igualar ou a superar o de 2016.

As estações do ano também refletiram a subida da temperatura média, em 2020. Se o inverno de 2019-2020 foi "extremamente ameno" e a primavera também se caracterizou por um "clima ameno", o verão e o outono foram mais quentes que o normal.

Em termos globais, a  Organização Meteorológica Mundial já dá como certo que 2020 tenha sido, pelo menos, o terceiro ano mais quente desde que há registos, mas poderá mesmo vir a igualar ou a superar o de 2016, até à data considerado o mais quente de sempre. 

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

O balanço do ano meteorológico de 2018 no Luxemburgo confirma as tendências globais do clima em algumas zonas do globo: no ano que passou, o tempo foi mais quente e ligeiramente mais seco do que o período 1981-2010.