Escolha as suas informações

Alemanha volta a endurecer medidas contra a covid-19
Sociedade 13.04.2021

Alemanha volta a endurecer medidas contra a covid-19

Alemanha volta a endurecer medidas contra a covid-19

Annegret Hilse/Reuters/Pool/dpa
Sociedade 13.04.2021

Alemanha volta a endurecer medidas contra a covid-19

AFP
AFP
O governo federal pode agora impor o recolher obrigatório, a redução dos contactos e o encerramento das lojas não essenciais.

O governo alemão aprovou esta terça-feira, 13, o endurecimento das medidas sanitárias no combate à covid-19. A partir de agora, o governo vai controlar melhor as restrições em todo o país, como um todo, numa tentativa de combater de forma mais eficaz esta pandemia, adiantou a chanceler alemã, Angela Merkel. Esta lei confere ao estado mais poderes nas regiões, que têm oferecido alguma resistência à conduta do poder central na condução desta crise. 

Este projeto-lei prevê que se a incidência semanal de infeções for superior a 100 por três dias, o estado federal pode impor recolher obrigatório, reduzindo os contatos entre particulares ou o encerramento de lojas consideradas não essenciais, disse o gabinete da chanceler alemã à AFP. Acima de uma incidência de 100, as escolas só aceitarão alunos testados duas vezes por semana e terão que fechar quando a taxa de incidência ultrapassar os 200.

É também a primeira vez que o recolher obrigatório pode ser imposto automaticamente, após cálculo da incidência. As demais medidas continuam a ser as já aprovadas desde o final de 2020.

O país debate-se com o aumento de casos nos últimos dias. Esta terça-feira, o   Instituto Robert Koch (RKI) deu conta que a incidência acumulada de covid-19 em sete dias aumentou na Alemanha para 140,9 casos por 100.000 habitantes, em comparação com 136,4 de segunda-feira, com 10.810 novas infeções nas últimas 24 horas, quase 4.000 a mais que há uma semana.

 tendo a incidência acumulada de covid-19 em sete dias aumentada para 140,9 casos por 100.000 habitantes, em comparação com 136,4 de segunda-feira, com 10.810 novas infeções nas últimas 24 horas, quase 4.000 a mais que há uma semana.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Merkel já antecipa um novo confinamento
Face ao aumento do número de casos de covid-19, a chanceler alemã está pronta para usar o "travão de emergência". A partir de segunda-feira, o comércio não essencial deve voltar a fechar portas. Em casa, volta o paradigma da visita única.
Alemanha. Travão nos contágios e mortes por covid-19
As autoridades alemãs comunicaram hoje números relacionados com a covid-19 inferiores aos dos últimos dias, com 13.882 novos casos e 445 mortes, o que estará relacionado com o cálculo parcial feito ao fim de semana e com alguma desaceleração.