Escolha as suas informações

TAP desiste de comprar automóveis BMW para diretores
Portugal 06.10.2022
Polémica

TAP desiste de comprar automóveis BMW para diretores

Polémica

TAP desiste de comprar automóveis BMW para diretores

Foto: Chris Karaba/Arquivo LW
Portugal 06.10.2022
Polémica

TAP desiste de comprar automóveis BMW para diretores

Lusa
Lusa
A Comissão Executiva da TAP informou esta quinta-feira, em comunicado, que vai procurar manter a atual frota automóvel pelo período máximo de um ano, por compreender o “sentimento geral dos portugueses”, após polémica sobre carros de luxo.

“A Comissão Executiva da TAP compreende o sentimento geral dos portugueses e, apesar da decisão que tomou quanto à frota automóvel ser a menos onerosa para a Companhia nas atuais condições de mercado, a TAP procurará manter a atual frota durante um período máximo de um ano, enquanto reavalia a política de mobilidade da empresa”, lê-se na nota enviada à comunicação social”.


TAP encomenda novos automóveis BMW para diretores. "É vergonhoso", diz sindicato
Marcelo Rebelo de Sousa diz que é “um problema de bom-senso” a compra de carros de luxos para administradores e diretores, defendendo contenção em tempos difíceis.

Em causa está a notícia avançada pela TVI/CNN Portugal e pelo portal Away, na quarta-feira, de que a TAP encomendou uma nova frota de automóveis BMW para a administração e gestores, substituindo os da Peugeot.

A TAP defende que a renovação da frota automóvel permite uma poupança de 630 mil euros anuais, justificando que em causa estão 50 viaturas, para o qual foi feito um concurso ao mercado, tendo sido convidadas a participar seis entidades no mercado português.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas