Escolha as suas informações

Presidente do PSD faz hoje declaração ao final da tarde no Porto
Portugal 12.01.2019 Do nosso arquivo online

Presidente do PSD faz hoje declaração ao final da tarde no Porto

O presidente do PSD, Rui Rio à chegada para a reunião do Conselho Estratégico Nacional do PSD, numa unidade hoteleira em Coimbra.

Presidente do PSD faz hoje declaração ao final da tarde no Porto

O presidente do PSD, Rui Rio à chegada para a reunião do Conselho Estratégico Nacional do PSD, numa unidade hoteleira em Coimbra.
Foto: LUSA
Portugal 12.01.2019 Do nosso arquivo online

Presidente do PSD faz hoje declaração ao final da tarde no Porto

O presidente do PSD, Rui Rio, faz hoje uma declaração à imprensa pelas 18h30 (19h30 no Luxemburgo), num hotel do Porto, segundo uma nota à comunicação social, um dia depois de Luís Montenegro o ter desafiado a convocar eleições diretas de imediato.

Na sexta-feira, o antigo líder parlamentar do PSD, Luís Montenegro, manifestou disponibilidade para se candidatar à liderança do partido e desafiou Rui Rio a convocar eleições diretas antecipadas de imediato.

“Se tem mesmo Portugal à frente de tudo, mostre coragem e não hesite em marcar estas eleições internas, não tenha medo do confronto, não se justifique atrás de questões formais, o tempo é de confronto político”, afirmou Montenegro, numa declaração sem direito a perguntas no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

O presidente do PSD já foi questionado duas vezes sobre este desafio - sexta-feira à noite no Porto, após uma audiência com o Presidente da República, e hoje em Coimbra, depois de uma reunião do Conselho Estratégico Nacional – e ambas as ocasiões prometeu reagir “a seu tempo”.

"Eu vou responder, naturalmente, não vou fazer de conta que nada está a acontecer, seria uma grande hipocrisia. Agora eu fui corredor de cem metros, mas quando tinha 20 anos de idade, agora é mais meio fundo e fundo, portanto, com calma e na devida altura", afirmou.

Rui Rio completa no domingo um ano como presidente do PSD, num mandato que é de dois anos.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Este sábado, com três candidatos na corrida, o PSD vai a votos, para escolher a sua liderança. Mas a votação pode não ser decisiva, obrigando a uma segunda volta.
O antigo líder parlamentar do PSD Luís Montenegro anunciou hoje que está disponível para ser “de imediato” candidato à liderança do partido, desafiando Rui Rio a marcar eleições diretas já e a apresentar a sua própria candidatura.