Escolha as suas informações

Presidenciais. Voto antecipado com filas mas sem incidentes
Portugal 17 17.01.2021

Presidenciais. Voto antecipado com filas mas sem incidentes

Presidenciais. Voto antecipado com filas mas sem incidentes

AFP
Portugal 17 17.01.2021

Presidenciais. Voto antecipado com filas mas sem incidentes

Apesar da extensão das filas, o tempo de espera não é longo. Por enquanto, ainda não há relatos de problemas no processo de votação.

Os portugueses começaram hoje a votar, a uma semana das presidenciais de 24 de janeiro, através do chamado voto antecipado em mobilidade, para o qual 246.880 eleitores, um número recorde desde que esta modalidade foi introduzida, em 2019.  


Lisboa é o concelho com mais inscritos, 33.364, seguido do Porto, com 13.280, e Coimbra, com 9.201, de acordo com o mapa publicado pelo Ministério da Administração Interna, em que se informa quais os locais de voto em cada um dos concelhos.

Os concelhos com menos inscritos são Porto Moniz, na Madeira, com oito inscritos, seguindo-se Nordeste, São Miguel, nos Açores, com nove, e Barrancos, distrito de Beja, com 14.

Depois da experiência de 2019, nas europeias e legislativas, o voto antecipado em mobilidade alargou-se, das capitais do distrito para as sedes dos concelhos, e o objetivo é simples: evitar grandes concentrações de pessoas devido à epidemia de covid-19 no país.

Quem estiver inscrito para o voto antecipado de hoje e não o fizer, pode fazê-lo no próximo domingo.

As eleições presidenciais, que se realizam em plena epidemia de covid-19 em Portugal, estão marcadas para 24 de janeiro e esta é a 10.ª vez que os portugueses são chamados a escolher o Presidente da República em democracia, desde 1976.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas