Escolha as suas informações

Portugal. Pico da curva epidémica pode ser depois de 14 de abril
Portugal 24.03.2020

Portugal. Pico da curva epidémica pode ser depois de 14 de abril

Portugal. Pico da curva epidémica pode ser depois de 14 de abril

Foto: LUSA
Portugal 24.03.2020

Portugal. Pico da curva epidémica pode ser depois de 14 de abril

Lusa
Lusa
Quem o disse foi Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República, afirmando que se verifica "uma curva mais moderada" de propagação da Covid-19 em Portugal.

Marcelo Rebelo de Sousa falou esta terça-feira, 24, aos jornalistas após ter participado numa sessão técnica sobre a situação epidemiológica da covid-19 em Portugal, a convite do primeiro-ministro, António Costa, no auditório do Infarmed - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, em Lisboa.

Questionado se os especialistas mantêm a previsão de 14 de abril como data para o pico da curva epidemiológica em Portugal, o chefe de Estado ressalvou que "não é possível fazer previsões certas" e comparou a pandemia de covid-19 a "uma mola" que se está a tentar conter com "uma pressão muito firme".

"Tem havido, com este pressionar a mola, uma preocupação que é visível nos números: o crescimento ser menos exponencial, menos acentuado do que se esperava. Isto significa naturalmente que a pressão sobre o sistema de saúde é menor, o número de contaminados não tem crescido ao nível que se esperava e o pico pode deslocar-se", expôs.

"É uma curva mais moderada, e o tal pico, o tal momento de estabilização, que dura um certo tempo, pode ser um pouco depois de dia 14 de abril", acrescentou.

Segundo o Presidente da República, "os portugueses estão a fazer com que a curva não seja a curva de outros países, comparando o número não só de contaminados, mas de internados, e internados em cuidados intensivos, e também de mortos".

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.