Escolha as suas informações

Polícia portuguesa resgata dois idosos de veleiro abalroado por orcas
Portugal 20.10.2020

Polícia portuguesa resgata dois idosos de veleiro abalroado por orcas

Polícia portuguesa resgata dois idosos de veleiro abalroado por orcas

Foto: Mike Baird
Portugal 20.10.2020

Polícia portuguesa resgata dois idosos de veleiro abalroado por orcas

Bruno Amaral de Carvalho
Bruno Amaral de Carvalho
Os incidentes entre orcas e embarcações têm aumentado nos últimos anos.

A polícia portuguesa resgatou no domingo dois homens, com 70 anos, de um "veleiro desgovernado, perto do Cabo de Sines", informou a Guarda Nacional Republicana (GNR) em comunicado a que o Contacto teve acesso.

A embarcação, com 12 metros de comprimento, fez um “pedido de socorro” quando estava a cerca de 5,5 quilómetros de distância da costa. Os militares da GNR deslocaram-se ao local com a lancha de vigilância e interceção e apuraram que “a embarcação tinha sido abalroada por duas orcas que partiram o leme”, deixando-a “à deriva e sem capacidade de manobra”.

Os dois tripulantes estão “bem de saúde, sem ferimentos” e veleiro foi rebocado pela patrulha da GNR até ao porto de Sines para reparações, refere ainda o comunicado. A operação foi desenvolvida pela Unidade de Controlo Costeiro, através do subdestacamento de Controlo Costeiro de Sines.

Ao Público, a capitão Cátia Tomás, Comandante do Destacamento de Controlo Costeiro de Sines, referiu que os casos reportados de ataques de orcas são mais comuns a sul de Sines, sendo esta a primeira vez nos últimos anos que há um ataque nesta zona. 

Os episódios de incidentes entre orcas e veleiros têm sido cada vez mais frequentes e despertaram a atenção de cientistas portugueses e espanhóis, que se juntaram para estudar o fenómeno. Embora ainda sem provas conclusivas, os investigadores indicam que os incidentes se podem explicar por algum distúrbio que a velocidade das embarcações tenha provocado nas orcas, indica o The Guardian.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.