Escolha as suas informações

Plesiossauro mais antigo da Península Ibérica descoberto na Marinha Grande
Portugal 14.06.2021
Período Jurássico

Plesiossauro mais antigo da Península Ibérica descoberto na Marinha Grande

Período Jurássico

Plesiossauro mais antigo da Península Ibérica descoberto na Marinha Grande

Portugal 14.06.2021
Período Jurássico

Plesiossauro mais antigo da Península Ibérica descoberto na Marinha Grande

Lusa
Lusa
Investigadores do Dino Parque e do Museu da Lourinhã anunciaram hoje a descoberta do mais antigo e mais completo fóssil de plesiossauro da Península Ibérica, encontrado por colecionadores numa praia de São Pedro de Moel, na Marinha Grande.

"Este plesiossauro é o mais completo e antigo da Península Ibérica, datado do início do Período Jurássico, há cerca de 195 milhões de anos", referem os investigadores numa nota de imprensa hoje divulgada.

O 'Plesiopharos moelensis', como foram designados o novo género e nova espécie do réptil marinho que viveu no tempo dos dinossauros, foi descrito num artigo científico publicado na revista Acta Palaeontologica Polonica.

A designação do novo género, 'Plesiopharos', deriva do facto de os achados terem sido encontrados perto do Farol de São Pedro de Moel, no distrito de Leiria, e da afinidade familiar com os plesiossauros.

Os colecionadores Victor Teixeira e António Domingos encontraram os vestígios fossilizados, constituídos por partes das barbatanas dos membros do lado direito do animal, do tórax e do pescoço, e doaram o achado ao Dino Parque para ser estudado em laboratório e exposto ao público.

A equipa pluridisciplinar de paleontólogos e geólogos que descreveu o fóssil integrou Eduardo Puértolas-Pascual, Miguel Marx, André Saleiro, Alexandre Fernandes, João Marinheiro, Carla Tomás e Simão Mateus, colaboradores do Museu da Lourinhã e do Dino Parque.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.