Escolha as suas informações

Ovelhas ajudam Lisboa a preservar espaços verdes
Portugal 19.12.2020 Do nosso arquivo online

Ovelhas ajudam Lisboa a preservar espaços verdes

Ovelhas ajudam Lisboa a preservar espaços verdes

Foto: Pixnio
Portugal 19.12.2020 Do nosso arquivo online

Ovelhas ajudam Lisboa a preservar espaços verdes

Um rebanho com cerca de 20 ovelhas faz parte de um projeto da autarquia da capital portuguesa que pretende ajudar a conservar o solo e fixar o carbono através do pastoreio.

Tem o objetivo de conservar o solo e fixar o carbono através do pastoreio. De acordo com o Expresso, um rebanho com cerca de 20 ovelhas vai contribuir para a adaptação de Lisboa às alterações climáticas através do projeto Life Lungs, coordenado pela Câmara de Lisboa e cofinanciado por Bruxelas.

O rebanho saiu pela primeira vez na sexta-feira da Quinta Pedagógica dos Olivais para pastar à solta pelo Parque da Bela Vista, em Lisboa. Até maio de 2021 as ovelhas vão sair 14 vezes.

Ao Expresso, José Sá Fernandes explicou que o objetivo é “associar o pastoreio de animais à manutenção dos prados biodiversos da infraestrutura verde da cidade, e assim as ovelhas alimentam-se, fertilizam o solo e contribuem para a paisagem”. O vereador do Ambiente, Clima e Estruturas Verdes lembrou também que este projeto “vem cumprir uma ideia defendida pelo arquiteto Gonçalo Ribeiro Telles”.

O projeto Life Lungs tem marcha via verde no ano em que Lisboa é Capital Verde da Europa e recebeu um financiamento de 2,7 milhões de euros (com 55% de financiamento comunitário) para ações até 2024.

Segundo os responsáveis da autarquia, objetivo é dar continuidade à manutenção e crescimento das estruturas verdes da cidade (parques, jardins, hortas e prados) como formas de atenuar as ondas de calor e a escassez hídrica que se projetam para um futuro próximo, tornando a cidade mais resiliente ao aumento das temperaturas e reforçando a capacidade de sumidouros de carbono. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.