Escolha as suas informações

Milionário suspeito de pagar orgias a menores na sua mansão em Cascais
Portugal 2 min. 14.11.2019

Milionário suspeito de pagar orgias a menores na sua mansão em Cascais

Milionário suspeito de pagar orgias a menores na sua mansão em Cascais

Portugal 2 min. 14.11.2019

Milionário suspeito de pagar orgias a menores na sua mansão em Cascais

Matthias Schelmz está a ser investigado por realizar sessões de sexo com estudantes, uma com 14 anos, dando 500 euros a cada jovem.

Matthias Schelmz é um empresário alemão, tem 59 anos, mora numa mansão de luxo, em Cascais, onde alegadamente realizava quase diariamente orgias com jovens, incluindo menores de idade, a maioria tendo 16, 17 anos e uma com 14 anos.

A cada jovem pagaria, em média, 500 euros por cada sessão de sexo, sendo os encontros combinados via WhatsApp.

Devido às idades das jovens as orgias decorriam de dia e a seguir ao horário escolar, sendo por vezes o próprio empresário que ia buscar as jovens à saída das escolas.

Menores de classes altas

Algumas das menores pertencem às classes alta e média alta, vivem desafogadamente com os pais e estudam em escolas em Lisboa ou na linha de Cascais, segundo revelou a TVI24.

Foi aliás esta estação de televisão portuguesa que divulgou todo o caso, anunciando que a Polícia Judiciária investiga há meses este empresário que trouxe a conhecida marca de aspiradores e os comercializa em Portugal.

Contudo, Matthias Schelmz continua em liberdade e declarou à TVI24 que está inocente. Contudo, está a ser vigiado de perto pela polícia sendo suspeito da prática dos crimes de prostituição de menores e lenocínio de menores.

Mãe de menor denuncia empresário

E toda a situação se passava discretamente se não fosse o caso da mãe de uma jovem ter denunciado à polícia que a sua filha tinha sido aliciada para uma orgia, como conta a imprensa portuguesa e depois a casa deste milionário ter sido assaltada.

Um assalto combinado por uma jovem de 18 anos que tinha estado numa das alegadas orgias naquela mansão, em Cascais, e apercebeu-se dos bens de valor que o dono da Rainbow Portugal possui.

Mansão de empresário

Na noite de 21 de março, o empresário alemão tinha ido viajar e deixara a casa a uma outra jovem, de 18 anos, que lá estava com uns amigos.

Matthias Schelmz não se importava que as jovens dessem festas na sua ausência. Foi então que outro grupo entrou em casa para o assalto, a pedido de outra jovem de 18 anos.

O assalto que teve contornos violentos não se concretizou, pois os jovens que estavam em casa conseguiram chamar a polícia. Os assaltantes bem como a jovem que organizou o assalto foram apanhados. E foi em tribunal que contaram como tinham chegado àquela mansão. Através da presença da jovem numa das orgias do empresário.

A polícia começou então a investigar, altura em que o alemão também soube que estava sob a mira das autoridades. 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.