Escolha as suas informações

Filme sobre cabo-verdiana premiado nos EUA
Portugal 1 2 min. 29.10.2019 Do nosso arquivo online

Filme sobre cabo-verdiana premiado nos EUA

Filme sobre cabo-verdiana premiado nos EUA

Portugal 1 2 min. 29.10.2019 Do nosso arquivo online

Filme sobre cabo-verdiana premiado nos EUA

"Vitalina Varela", aborda as questões da imigração, através da história de uma mulher de 55 anos, que viaja para Lisboa para enterrar o marido.

A obra de Pedro Costa recebeu o prémio do júri no festival de Chicago, mais um a somar às distinções em Locarno e em França"Vitalina Varela", a longa-metragem dirigida pelo realizador português Pedro Costa continua a somar prémios internacionais. 

Depois da distinção do Festival de Locarno, na Suíça, em agosto deste ano, onde ganhou os prémios Leopardo de Ouro e Leopardo de melhor interpretação feminina para a protagonista, e do grande prémio do Festival de Cinema de La Roche-sur-Yon, em França, já este mês, o filme conquistou, este sábado,  o "Silver Hugo", prémio do júri do Festival de Cinema de Chicago, nos Estados Unidos da América.

"Vitalina Varela", nome da atriz que protagoniza o mais recente trabalho do realizador, aborda as questões da imigração, através da história de uma mulher cabo-verdiana, de 55 anos, que viaja para Lisboa para enterrar o marido, Joaquim, que tinha deixado Cabo Verde para emigrar para a Europa, duas décadas antes, à procura de trabalho. 

Após saber da sua morte, Vitalina Varela, que há 25 anos que esperava o bilhete de avião para ir ter com o marido, só consegue chegar a Portugal três dias depois do funeral deste.

"Apercebi-me que existem muitos migrantes e que são os homens que partem enquanto as mulheres ficam. É disso que trata o filme", disse o realizador, em agosto, citado pela Euronews.

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

Vitalina, uma história que começa antes

A história de Vitalina cruza-se com a dos filmes de Pedro Costa, que conheceu a atriz quando rodava a sua produção anterior, o aclamado "Cavalo Dinheiro", de 2014. 

O realizador acabou por incluir parte da história de Vitalina na narrativa desse filme. E agora, em 2019, dá-lhe, de certa forma, continuidade, tornando-a protagonista do seu novo trabalho cinematográfico.

Depois dos festivais, as salas de cinemas"Vitalina Varela" fez a sua estreia mundial no Festival de Locarno, há dois meses, e tem sido exibido nas mais prestigiadas competições de cinema internacionais, confirmando Pedro Costa como um dos maiores cineastas portugueses da atualidade. 

Mas é ainda este mês que vai poder ser visto no circuito comercial, pelo menos em Portugal. Com distribuição de uma das maiores distribuidores portuguesas, a NOS, o filme estreia-se na quinta-feira, 31 de outubro, nas salas de cinema, cineclubes e auditórios municipais do país.  


Ana Tomás


Notícias relacionadas