Escolha as suas informações

Dois terços dos emigrantes qualificados admitem voltar a Portugal

Dois terços dos emigrantes qualificados admitem voltar a Portugal

Foto: AFP
Portugal 05.01.2019

Dois terços dos emigrantes qualificados admitem voltar a Portugal

Cerca de 78% dos emigrantes portugueses qualificados admitem regressar a Portugal. E desses, 43% admitem que podem fazê-lo nos próximos dois anos.

Os dados são de um estudo elaborado pelo Guia do Mercado Laboral, realizado por uma consultora na área do emprego e do recrutamento especializado, noticiado pela Rádio Renascença. 

 O estudo conclui que 43% dos emigrantes portugueses admitem regressar nos próximos dois anos e 78% admite vir a fazê-lo, parece que as benesses fiscais concedidas pelo governo não são o principal motivador deste eventual regresso da mão de obra qualificada portuguesa. 

87% dos mais de 3.000 emigrantes que responderam a este inquérito admitem que uma eventual redução do IRS como benefício fiscal terá pouca ou mesmo nenhuma influência na decisão de regressar. 

Nesse mesmo estudo, 84% dos portugueses que sairam do país no tempo da crise afirmam que não se arrependem de o ter feito. 

O trabalho conclui que o principal motivo que leva estes quadros qualificados pensarem regressar ao país é o facto de a economia nacional ter estabilizado e as empresas começarem a pagar menos mal. 

Entre o período mais crítico da crise e 2018 a percentagem de trabalhadores dispostos a emigrar caiu de 80% para 37%.  Dados do Observatório da Emigração revelam que, em 2017, cerca de 90 mil portugueses saíram do país, menos que em 2016 foram 100 mil e muito menos que em 2013, em que saíram cerca de 120 mil portugueses para o estrangeiro.

O Reino Unido continua a ser o principal destino dos portugueses que querem trabalhar lá fora, o que pode vir a ser proximamente alterado com o Brexit. Talvez por isso, são cada vez mais os portugueses que procuram a Espanha. Um em cada cinco portugueses que emigraram entre 2016 e 2017 passaram a viver no Estado espanhol.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Cerca de 110 mil portugueses emigraram em 2015
Cerca de 110 mil portugueses emigraram em 2015, mas ainda não é possível concluir se a emigração estagnou ou está a descer, sendo previsível que os números de saídas não diminuam para valores anteriores à crise.