Escolha as suas informações

Detida presumível mãe de bebé abandonado em caixote do lixo em Lisboa
Portugal 08.11.2019

Detida presumível mãe de bebé abandonado em caixote do lixo em Lisboa

Detida presumível mãe de bebé abandonado em caixote do lixo em Lisboa

Portugal 08.11.2019

Detida presumível mãe de bebé abandonado em caixote do lixo em Lisboa

A mulher de 22 anos foi detida durante a madrugada.

A Polícia Judiciária (PJ) deteve hoje de madrugada na zona de Lisboa uma mulher de 22 anos, presumível mãe do recém-nascido encontrado na terça-feira num caixote do lixo em Lisboa.

Em comunicado, a PJ adianta que identificou, localizou e deteve uma mulher, de 22 anos de idade, "por fortes indícios da prática de homicídio qualificado, na forma tentada, vitimando uma criança do sexo masculino, recém-nascido, e seu filho".

O recém-nascido "é um bebé saudável", de acordo com o responsável da unidade de cuidados intensivos neonatais do Hospital Dona Estefânia.

O menino foi encontrado esta terça-feira à noite no interior de um caixote do lixo em Lisboa, junto da discoteca Lux Frágil, na Avenida Infante D.Henrique, em Lisboa.  

Salvo por um sem-abrigo chegou ao hospital em hipotermina grave. Terá sido abandonado durante a manhã "nu e em agasalhos", cinco a seis horas depois de nascer e ainda com parte do cordão umbilical. 

O caso está nas mãos da PJ e do Ministério Público que instaurou um inquérito para perceber o que levou a mãe a abandoná-lo num caixote do lixo. 

De acordo com declarações do Comissário da PSP, André Serra, ao Expresso, as autoridades suspeitam que se trata de um crime de exposição ou abandono de menor, "punido com penas de 2 a 5 anos".

 "Mas se se provar que os pais tinham intenção de matar o bebé pode ser até considerado infanticídio", alertou o comissário a este semanário.  Só as investigações policiais irão revelar os motivos reais. 


Notícias relacionadas