Escolha as suas informações

Verdes europeus sublinham o seu reforço em muitos países da Europa

Verdes europeus sublinham o seu reforço em muitos países da Europa

Foto: AFP
Mundo 26.05.2019

Verdes europeus sublinham o seu reforço em muitos países da Europa

“É uma grande celebração e é também uma grande responsabilidade. Temos agora uma grande tarefa, de pôr em ação o que as pessoas nos pediram: políticas ambientais, justiça social e respeito pelo Estado de Direito”, afirmou Ska Keller, copresidente do grupo, que falava no Parlamento Europeu, em Bruxelas, nas primeiras reações da noite eleitoral.

O Grupo dos Verdes/Aliança Livre Europeia classificou hoje os resultados da bancada nas eleições como um gesto de “confiança política” dada por eleitores em vários Estados-membros, nomeadamente na Alemanha e a Irlanda, segundo as primeiras projeções.

“É uma grande celebração e é também uma grande responsabilidade. Temos agora uma grande tarefa, de pôr em ação o que as pessoas nos pediram: políticas ambientais, justiça social e respeito pelo Estado de Direito”, afirmou Ska Keller, copresidente do grupo, que falava no Parlamento Europeu, em Bruxelas, nas primeiras reações da noite eleitoral.

Para a responsável, esta foi uma “grande confiança política” dada por eleitores “de vários países”, nomeadamente na Alemanha e na Irlanda, onde os respetivos partidos ecologistas são apontados como o segundo partido mais votado.

Philippe Lamberts, também copresidente do grupo, notou na ocasião que, nalguns países, “os resultados foram duplicados”.

Segundo as primeiras projeções, os Verdes conseguiram, ao todo, 71 eleitos, valor que compara com 52 no mandato anterior.

Vincando que o grupo ambiciona uma “Europa mais justa e mais democrática”, Philippe Lamberts avisou que, “para haver uma maioria estável no Parlamento [Europeu], os Verdes vão ser indispensáveis”.

“Já conhecem o nosso programa, já sabem o que vamos pedir nestas negociações. Sem uma mudança palpável, não vão contar connosco e se querem um sistema à margem não vai ser connosco”, adiantou este copresidente.

Ska Keller e Bas Eickhout são os candidatos do grupo dos Verdes à Comissão Europeia.

Hoje, foi ainda anunciado que, caso o partido português PAN eleja eurodeputados, ficará integrado nos Verdes europeus.

Lusa

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.