Escolha as suas informações

Vídeo. Biden anuncia pré-candidatura às presidenciais dos Estados Unidos
Mundo 2 min. 25.04.2019

Vídeo. Biden anuncia pré-candidatura às presidenciais dos Estados Unidos

Vídeo. Biden anuncia pré-candidatura às presidenciais dos Estados Unidos

Foto: AFP
Mundo 2 min. 25.04.2019

Vídeo. Biden anuncia pré-candidatura às presidenciais dos Estados Unidos

Anúncio aconteceu via Twitter. É a terceira vez que Joe Biden se candidata.

Joe Biden, vice-presidente da administração Obama, anunciou, finalmente, a sua participação na corrida ao lugar de candidato presidencial pelos democratas em 2020. Esta é a terceira vez que o político de 76 anos concorre à Casa Branca e junta-se aos restantes 20 pré-candidatos já na liça dentro do partido Democrata, conforme pode ver aqui: https://edition.cnn.com/2019/01/21/politics/2020-democrats-running-for-president/index.html. 

A candidatura de Joe Biden era já esperada e esteve, inclusive, em causa pela polémica gerada pelas queixas de várias mulheres que o acusaram de se aproximar demasiado e de as tocar em atos públicos.

É conhecido por fazer parte da ala centrista dos democratas e parte como favorito nas sondagens, noticia o El País, que recorda que o seu êxito é uma incógnita num tempo em que os discursos moderados não captam tantos adeptos e quando um dos rivais a derrotar é Donald Trump, que venceu em 2016 atacando precisamente o legado de Obama.

“Os valores fundamentais desta nação...a nossa posição no mundo...a nossa democracia...tudo o que fez a América está em jogo. É por isso que hoje anuncio a minha candidatura à presidência dos Estados Unidos”, escreveu Biden na sua conta do Twitter, publicando também um vídeo.

É o mais veterano em Washington nas primárias democratas que somam duas dezenas de nomes com o objetivo comum de derrotar o atual presidente norte-americano. O mais jovem rival é o autarca Pete Buttigieg de 37 anos. Nas redes sociais e na comunicação social, destacam-se também o pré-candidato texano Beto O’Rourke e o progressista repetente Bernie Sanders.

Esta será a terceira tentativa de Joe Biden à presidência, depois de ter anunciado a sua candidatura às eleições de 1987 quando era senador por Delaware. Nesse ano, abandonou a corrida por um escândalo de plágio na Faculdade de Direito. Em 2008, desistiu antes do final das eleições primárias do Partido Democrata e acabou por dar o seu apoio a Barack Obama de quem, posteriormente, se tornou vice-presidente. Em 2016, esteve a ponto de se voltar a candidatar mas desistiu depois da morte do seu filho, vítima de cancro. Esta parece ser a última oportunidade. Se ganhar, chegará à Casa Branca com 78 anos.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

Donald Trump acusa Obama de dificultar transição
O Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, acusou hoje o ainda chefe de Estado norte-americano, Barack Obama, de fazer declarações "inflamatórias" e de dificultar o processo de transferência de poder.
US-Präsident Barack Obama und sein Nachfolger Donald Trump bei einem Gespräch nach der Wahl im Weißen Haus.