Escolha as suas informações

Ucrânia precisa de computadores e telemóveis e pede ajuda aos cidadãos europeus
Mundo 01.12.2022
Campanha

Ucrânia precisa de computadores e telemóveis e pede ajuda aos cidadãos europeus

Campanha

Ucrânia precisa de computadores e telemóveis e pede ajuda aos cidadãos europeus

Foto: Nao Triponez / Pexels
Mundo 01.12.2022
Campanha

Ucrânia precisa de computadores e telemóveis e pede ajuda aos cidadãos europeus

Telma MIGUEL
Telma MIGUEL
Todos os smartphones, computadores portáteis ou tablets que funcionam mas que não estão a ser utilizados podem encontrar melhor destino nas mãos de um ucraniano que precise dele.

Ter ligação internamente e ao resto do mundo é uma das necessidades básicas a que os ucranianos não estão a ter acesso. Com as infraestruturas destruídas, milhões de deslocados e milhares que perderam as suas casas e todos os bens, as autoridades consideram que o país precisa urgentemente de equipamentos eletrónicos e informáticos para serem distribuídos a professores, alunos, hospitais e administração pública. E para o país continuar a funcionar minimamente, pelo menos online. 

Só no setor do ensino, estima-se que cerca de 70 mil professores precisem de computadores portáteis para continuarem a lecionar. Cerca de cinco mil escolas nas zonas mais atingidas também precisam de aparelhagem informática para assegurar a educação de 200 mil alunos. 

Por causa destas carências, a Comissão Europeia, juntamente com o ministério ucraniano da Transformação Digital e a Digital Europe (uma organização que representa a indústria europeia do setor) estão a organizar uma campanha de recolha de aparelhos (smartphones, computadores portáteis e tablets) para serem enviados para a Ucrânia. 

  "PortáteisParaUcrânia" à procura de voluntários  

Através do Mecanismo de Proteção Civil as empresas podem fazer doações diretamente. Para os cidadãos, neste momento só existe um centro de recolha em Bruxelas, mas a iniciativa "PortáteisParaUcrânia" está à procura de voluntários para criarem centros de recolha nos outros países da União Europeia. 

Todos os smartphones, computadores portáteis ou tablets que funcionam mas que não estão a ser utilizados podem encontrar melhor destino nas mãos de um ucraniano que precise dele. Os organizadores da campanha prometem que as doações serão rastreadas e publicitadas no site da campanha e nas redes sociais.

Será também o Mecanismo de Proteção Civil, da União Europeia, que fará chegar os contributos ao seu destino final. 

A Comissão Europeia está igualmente a fazer uma recolha interna de equipamento fora de uso mas em boas condições dentro das instituições europeias para enviar para as zonas carenciadas.

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.