Escolha as suas informações

Tiroteio em clínica de planeamento familiar nos EUA faz três mortos
Mundo 28.11.2015 Do nosso arquivo online
Colorado Springs

Tiroteio em clínica de planeamento familiar nos EUA faz três mortos

Antes de ser detido, o autor dos disparos esteve entrincheirado várias horas na clínica.
Colorado Springs

Tiroteio em clínica de planeamento familiar nos EUA faz três mortos

Antes de ser detido, o autor dos disparos esteve entrincheirado várias horas na clínica.
REUTERS
Mundo 28.11.2015 Do nosso arquivo online
Colorado Springs

Tiroteio em clínica de planeamento familiar nos EUA faz três mortos

Três pessoas morreram e nove ficaram feridas, na sexta-feira, quando um homem armado abriu fogo numa clínica de planeamento familiar em Colorado, Estados Unidos, num impasse que durou cinco horas até o agressor se render.

Três pessoas morreram e nove ficaram feridas, na sexta-feira, quando um homem armado abriu fogo numa clínica de planeamento familiar em Colorado, Estados Unidos, num impasse que durou cinco horas até o agressor se render.

Um agente policial está entre os mortos. Os feridos, quatro civis e cinco polícias, estão a receber assistência médica mas nenhum se encontra em estado grave.

“Quero dizer aos entes queridos das vítimas: o que aconteceu em Colorado Springs é uma terrível, terrível tragédia. Perdemos duas vítimas civis e choramos a perda de um agente muito corajoso”, disse o presidente da Câmara, John Suthers.

Antes de ser detido, o autor dos disparos esteve entrincheirado várias horas na clínica.

O agressor, um homem branco com uma espingarda de assalto, manteve uma troca de disparos com os agentes, enquanto eram retiradas do local dezenas de pessoas, informou a porta-voz da polícia local, Catherine Buckley.

O alerta foi emitido a partir das instalações da clínica ao meio-dia de sexta-feira (20h, no Luxemburgo), apesar de se desconhecer se o objectivo do agressor era esse centro onde de praticam abortos, além de numerosos serviços relacionados com a saúde reprodutiva.

Nos Estados Unidos, os centros de planeamento familiar, que praticam a interrupção voluntária da gravidez, são particularmente denegridos e frequentemente sujeitos a ameaças ou ataques de opositores radicais do aborto.

Obama diz que epidemia de violência tem de acabar

A Casa Branca referiu que o Presidente Barack Obama foi informado e acompanhou a evolução da situação, juntamente com a assessora principal de Segurança Nacional, Lisa Monaco, e a sua equipa.

Obama considerou que tem que acabar a epidemia de violência com armas que afecta os Estados Unidos (EUA), depois de mais este tiroteio ter causado três vítimas mortais.