Escolha as suas informações

Sobe para 43 o número de mortos em explosão em hotel de Havana
Mundo 11.05.2022
Cuba

Sobe para 43 o número de mortos em explosão em hotel de Havana

Um varredor de rua junto aos destroços do Hotel Saratoga, em Havana, a 9 de maio, três dias depois da explosão que terá sido causada por uma fuga de gás.
Cuba

Sobe para 43 o número de mortos em explosão em hotel de Havana

Um varredor de rua junto aos destroços do Hotel Saratoga, em Havana, a 9 de maio, três dias depois da explosão que terá sido causada por uma fuga de gás.
Foto: Yamil Lage/AFP
Mundo 11.05.2022
Cuba

Sobe para 43 o número de mortos em explosão em hotel de Havana

AFP
AFP
Segundo o Ministério da Saúde, 54 pessoas foram também feridas na explosão, que ocorreu na sexta-feira de manhã, e 17 ainda se encontram no hospital.

O número provisório de mortos numa explosão no hotel Saratoga, em Havana, subiu para 43 na noite desta terça-feira, após ter sido encontrado um novo corpo debaixo dos escombros, que está a ser identificado.

Ao início do dia, os corpos de dois vizinhos, uma mulher de 77 anos e um homem de 55, foram arrancados dos escombros.

O Hotel Saratoga, um marco na velha Havana, tinha estado fechado durante dois anos devido à pandemia e preparava-se para reabrir ao público na terça-feira depois das obras. Os primeiros quatro andares do hotel de cinco estrelas foram destruídos pela explosão quando um camião-cisterna o abastecia com gás.

Dos 51 empregados presentes na altura da tragédia, 23 morreram, três permanecem hospitalizados e 22 tiveram alta do hospital, informou Roberto Enrique Calzadilla, um representante da empresa turística Gaviota, propriedade do exército cubano, em conferência de imprensa na terça-feira.


As equipas de resgate permanecem no local à procura de pessoas que tenham ficado sob os escombros
Explosão faz oito mortos e 13 desaparecidos em hotel de Havana
As autoridades cubanas apontam uma fuga de gás como causa provável do acidente.

Estrutura do hotel foi "80% afetada"

Três funcionários continuam desaparecidos: "[São] duas empregadas de mesa e um cozinheiro", precisou. Os resultados iniciais mostraram que a estrutura do hotel foi "80% afetada" pela explosão, segundo Roberto Calzadilla.

O Saratoga é conhecido por ter recebido várias celebridades nos últimos anos, incluindo Mick Jagger, Beyoncé e Madonna. Construído em 1880 para alojar lojas, o edifício foi convertido em hotel em 1933 e tornou-se um resort de luxo em 2005.

O turismo é a principal atividade económica de Cuba, após a venda de serviços médicos, e está a lutar para recuperar da pandemia do coronavírus.


Notícias relacionadas

O prestigiado hotel Le Royal, situado no centro da cidade do Luxemburgo, poderá vir a despedir um quarto dos trabalhadores, numa altura em que se prepara para obras.
O hotel fica no boulevard Royal