Escolha as suas informações

Breves Mundo 14.04.2019

As redes sociais Facebook, Instagram e WhatsApp estão hoje a registar falhas, com utilizadores de vários pontos do globo a queixarem-se de que não conseguem enviar mensagens ou atualizar páginas.

Várias destas denúncias estão a ser feitas através do Twitter e em páginas como o Downdetector, que recebeu já vários milhares de denúncias de problemas nas três redes sociais detidas pela empresa dirigida por Mark Zuckerberg.

Estas falhas estão a impedir, por exemplo, o envio de mensagens através do messenger do Facebook ou do WhatsApp, atualizar as páginas do Facebook e do Insatagram ou até aceder aos ‘sites’ oficiais das redes sociais.

Os problemas começaram a ser detetados a partir das 11:00 horas (hora de Lisboa) sendo que, até o momento se desconhece a origem do problema.

No dia 14 de março o Facebook esteve várias horas fora de serviço, com a falha a afetar também o Instagram e o WhatsApp.

Na ocasião, a empresa liderada por Mark Zuckerberg esclareceu que o problema foi causado "por uma mudança na configuração do servidor" que teve repercussões nos utilizadores em quase todo o mundo.

Lusa

Breves Economia 23.09.2022

Os preços do gasóleo e da gasolina 95 octanas vão ficar mais caros a partir da meia-noite.

No caso do gasóleo, a subida é de 6,1 cêntimos para os 1,810 euros por litro.

A gasolina sem chumbo 95 sobe 3,5 cêntimos para os 1,648 euros por litro.  

Breves Sociedade 23.09.2022

Os ativistas luxemburgueses pelo clima regressam às ruas para exigir políticas objetivas para travar o aquecimento global e a dependência de energias fósseis e mais poluentes.

A Youth for Climate Luxembourg (Juventude pelo Clima Luxemburgo, em português) promove mais uma marcha pelo clima sob o lema “PeopleNotProfit” (PessoasNãoLucros, em português). A manifestação está marcada para esta sexta-feira, às 15h00, no parque de estacionamento Glacis, em Limperstberg, na Cidade do Luxemburgo.

Numa publicação nas redes sociais, a organização reivindica que o Luxemburgo se torne neutro em emissões de dióxido de carbono até 2030, considerando que o país não é demasiado pequeno para fazer a diferença. A Youth for Climate acrescenta ainda que se o sistema atual não consegue responder às expetativas, é necessário mudar de sistema.

Breves Luxemburgo por Henrique DE BURGO 23.09.2022

Organismo é uma rede de mais de 300 cidades de todo o mundo que figuram na lista do Património Mundial da Unesco, incluindo a capital luxemburguesa.

A burgomestre da Cidade do Luxemburgo, Lydie Polfer, foi reeleita como membro do Conselho de Administração da "Organização das Cidades Património Mundial".

A reeleição teve lugar em Quebeque, no Canadá, durante o recente 16º congresso mundial desta organização. Lydie Polfer mantém este cargo por mais dois anos, até 2024, ao lado do presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá, e de autarcas de outros países.

A Organização das "Cidades Património Mundial" é uma rede de mais de 300 cidades de todo o mundo que figuram na lista do Património Mundial da Unesco, como é o caso da Cidade do Luxemburgo, desde 1994.  

Breves Luxemburgo por Redação 23.09.2022

Um dos acidentes envolveu um ciclista e o outro o condutor de uma viatura.

Na quinta-feira à noite, de acordo com o CGDIS, registaram-se dois acidentes de trânsito que resultaram em dois feridos. 

O primeiro ocorreu às 17h54, quando um ciclista foi derrubado na Rue de Steinfort, em Eischen. Os serviços de emergência de Hobscheid, Pétange e Steinfort foram mobilizados para o local. 

Mais tarde, às 23h11, o condutor de uma viatura, que esteve envolvida num acidente em Rollingergrund, na capital, ficou ferido, tendo os bombeiros prestado os primeiros socorros. 

Breves Luxemburgo por Redação 23.09.2022

Veja os controlos policiais nas estradas previstos para 23 de setembro:

  • Manhã: Rue de Mullendorf, Heisdorf
  • Tarde: Rue Notre-Dame, Kayl
  • Tarde: Rue Verte, Luxembourg
  • Tarde: Rue J. Determe, Sonlez

Como habitualmente estes locais são divulgados a título indicativo pela polícia. As autoridades podem fazer controlos de velocidade em qualquer lugar, a qualquer hora sem avisar. Acompanhe toda a informação atualizada do trânsito aqui