Escolha as suas informações

"Primeiro Mundo". Alemanha apresenta o primeiro comboio automático sem condutor
Mundo 12.10.2021
Transportes

"Primeiro Mundo". Alemanha apresenta o primeiro comboio automático sem condutor

O comboio S-Bahn S21 automático e sem condutor entra na estação de Dammtor em Hamburgo.
Transportes

"Primeiro Mundo". Alemanha apresenta o primeiro comboio automático sem condutor

O comboio S-Bahn S21 automático e sem condutor entra na estação de Dammtor em Hamburgo.
Foto: Marcus Brandt/dpa
Mundo 12.10.2021
Transportes

"Primeiro Mundo". Alemanha apresenta o primeiro comboio automático sem condutor

Embora o comboio seja controlado através da tecnologia digital e totalmente automatizado, um maquinista ainda estará presente para supervisionar as viagens sempre que houver passageiros a bordo.

O operador ferroviário alemão Deutsche Bahn e o grupo industrial Siemens revelaram na segunda-feira o primeiro comboio automatizado e sem condutor do mundo na cidade de Hamburgo, descrevendo-o como mais pontual e eficiente em termos energéticos do que os comboios tradicionais. 

Quatro desses comboios irão juntar-se à rede ferroviária urbana rápida S-Bahn do norte da cidade e começarão a transportar passageiros a partir de dezembro, utilizando a infra-estrutura ferroviária existente. 

Outras cidades como Paris têm metropolitanos sem condutor, enquanto que os aeroportos têm muitas vezes terminais de monocarril automatizados, que funcionam em vias únicas exclusivas, enquanto que o comboio de Hamburgo partilhará as vias com outros comboios regulares. 


Alemanha. Autoridades europeias encerram plataforma fraudulenta de investimento
O principal suspeito dirigia uma página web, com aspecto profissional, a operar com as chamadas opções binárias, que projetava lucros elevados.

O projeto, que a Siemens e a Deutsche Bahn chamaram de "primeiro mundo", faz parte de uma modernização de 60 milhões de euros (70 milhões de dólares) do sistema ferroviário urbano rápido de Hamburgo. 

O CEO da Deutsche Bahn, Richard Lutz, disse que os comboios automáticos oferecem um serviço "mais fiável" "sem ter de colocar um único quilómetro de nova via". "Estamos a tornar o transporte ferroviário mais inteligente", disse o CEO da Siemens Roland Busch, estimando que os comboios automatizados podem transportar "até 30% mais passageiros, melhorar significativamente a pontualidade e poupar mais de 30% de energia". 

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas