Escolha as suas informações

Primeiro-ministro do Peru apresenta demissão, a quarta no último ano
Mundo 03.08.2022
Crise

Primeiro-ministro do Peru apresenta demissão, a quarta no último ano

Crise

Primeiro-ministro do Peru apresenta demissão, a quarta no último ano

EPA
Mundo 03.08.2022
Crise

Primeiro-ministro do Peru apresenta demissão, a quarta no último ano

Lusa
Lusa
O primeiro-ministro do Peru, Aníbal Torres, apresentou a sua demissão ao Presidente Pedro Castillo, citando “razões pessoais” numa carta tornada pública.

Depois de tomar posse em fevereiro, Aníbal Torres é o quarto chefe do Governo do Peru, no espaço de um ano, a apresentar a sua demissão ao presidente radical de esquerda, envolvido em escândalos desde que chegou ao poder em 2021. 

O Ministério Público, numa situação sem precedentes no Peru, abriu cinco investigações contra o presidente Castillo, incluindo a casos de tráfico de influência na compra de combustível pela companhia petrolífera estatal Petroperu e em promoção de militares, obstrução de justiça na remoção de ministros, corrupção, conluio agravado num projeto de obras públicas e plágio na sua tese universitária.

Protegido pela imunidade presidencial até ao final do mandato em 2026, Castillo não pode ser acusado, nem levado a tribunal.

Para além dos seus problemas legais, o Presidente peruano já enfrentou duas tentativas de destituição no Parlamento. Numa sondagem recente, a taxa de rejeição de Castillo era de 74%.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.