Escolha as suas informações

O incêndio na catedral de Notre-Dame, em Paris, que está a chocar o mundo
As chamas continuam a devorar a Catedral de Notre Dame em Paris.

O incêndio na catedral de Notre-Dame, em Paris, que está a chocar o mundo

Foto: AFP
As chamas continuam a devorar a Catedral de Notre Dame em Paris.
Mundo 12 1 2 min. 15.04.2019

O incêndio na catedral de Notre-Dame, em Paris, que está a chocar o mundo

Esta tarde deflagrou um incêndio na catedral de Notre-Dame em Paris. O mundo está em choque com a tragédia que atingiu o icónico monumento com 800 anos na capital francesa.

(Notícia atualizada às 23:23)

Ao local acorreram várias viaturas dos bombeiros e de emergência médica e a zona foi isolada pela polícia. A situação poderá estar "potencialmente ligada" aos trabalhos de reabilitação do edifício, segundo os bombeiros da capital francesa.

As imagens mostram a intensidade das chamas no local, naquele que é o monumento histórico mais visitado da Europa. 

Os vídeos 360 não têm suporte aqui. Ver o vídeo na aplicação Youtube.

Nas redes sociais, os internautas têm partilhado vários vídeos com imagens do edifício em chamas, incluindo uma em que um dos pináculos colapsa. 

Emmanuel Macron cancelou a agenda e dirigiu-se de imediato para a Catedral, adiando o seu discurso "por causa do incêndio terrível que lavra na Notre-Dame de Paris", anunciou o gabinete do presidente francês.

O incêndio ocorre num momento em que a catedral está a ser alvo de renovações, com algumas das zonas do edifício rodeadas de andaimes. Na semana passada, foram inclusivamente retiradas algumas estátuas de bronze da fachada para avançar com as obras.

De acordo com o jornal Le Figaro, por causa dos trabalhos de recuperação, 16 estátuas foram retiradas do pináculo que colapsou a 11 de abril para serem restauradas. As estátuas, com mais de 250 quilos, foram levadas para Périgueux, Dordogne, onde deveriam ser restauradas antes de voltar para a torre, em 2022.

O Ministério da Administração Interna francês admitiu que os bombeiros podem não conseguir salvar a catedral de Notre-Dame de Paris, que está a arder desde o fim da tarde.

Depois de várias horas no combate às chamas, os bombeiros de Paris temem não conseguir travar a propagação das chamas na catedral.

"Não temos certeza de poder deter a propagação no campanário norte. Se este colapsar, podem imaginar a extensão dos danos", disse o general Jean-Claude Gallet, comandante da brigada dos bombeiros sapadores de Paris.

Neste momento encontram-se cerca de 400 bombeiros a combaterem o incêndio no interior e no exterior da catedral.

A presidente da Câmara de Paris, Anne Hidalgo, lamentou o "terrível incêndio", enquanto milhares de parisienses também espelhavam dor e tristeza com a destruição de um dos mais emblemáticos monumento de Paris e de França.

As imagens do incêndio foram transmitidas em direto pela televisão, incluindo a queda do pináculo, erguido sobre os quatro pilares do transepto que tinha 93 metros de altura.

A catedral,  símbolo de Paris, começou a ser construída em 1163 e é famosa por figurar no clássico romance de Victor Hugo "O corcunda de Notre Dame", adaptado ao cinema pela Disney. O monumento atrai milhões de turistas por ano.

De acordo com o porta-voz da catedral Notre-Dame, o alerta de incêndio foi ativado por volta das 16h50.



Siga-nos no Facebook, Twitter e receba a nossa newsletter das 17h30.


Notícias relacionadas

A cruz que ficou no incêndio de Notre-Dame
No centro da Catedral, altar e cruz mantiveram-se intactos, não cedendo às chamas que destruíram o monumento. Há quem acredite que foi um “milagre”, transformando estes símbolos, num motivo de “esperança” na reconstrução da “Dama de Paris”. Dois milionários já doaram 300 milhões.
Notre-Dame. Não terá sido fogo posto
A justiça francesa abriu um processo por “destruição involuntária”, excluindo à partida fogo posto e começou a interrogar os operários envolvidos nas obras de restauro da catedral. O fogo terá começado no estaleiro das obras antes das 19.00. E pouco mais se sabe.