Escolha as suas informações

Negociações entre ucranianos e russos retomam esta terça-feira depois de "pausa técnica"
Mundo 15.03.2022 Do nosso arquivo online
Guerra na Ucrânia

Negociações entre ucranianos e russos retomam esta terça-feira depois de "pausa técnica"

Terceira ronda de negociações que decorreram na Bielorrússia.
Guerra na Ucrânia

Negociações entre ucranianos e russos retomam esta terça-feira depois de "pausa técnica"

Terceira ronda de negociações que decorreram na Bielorrússia.
Foto: AFP
Mundo 15.03.2022 Do nosso arquivo online
Guerra na Ucrânia

Negociações entre ucranianos e russos retomam esta terça-feira depois de "pausa técnica"

Ana TOMÁS
Ana TOMÁS
A Ucrânia e Rússia tinham realizado, esta segunda-feira, por videoconferência, mais uma ronda de negociações.

As negociações entre Ucrânia e Rússia prosseguem esta terça-feira, depois de ontem as duas delegações se terem reunido por videoconferência. 

"Foi feita uma pausa técnica nas negociações até amanhã, para trabalhos adicionais nos subgrupos de trabalho e para a clarificação de alguns termos. As negociações continuam", escreveu na segunda-feira, na sua página do Twitter, Mikhailo Podolyak, conselheiro do presidente ucraniano Volodymyr Zelensky e um dos negociadores.

A Ucrânia e a Rússia realizaram, esta segunda-feira, por videoconferência, mais uma ronda de negociações, desde 24 de fevereiro, quando Moscovo invadiu o país vizinho.


A quarta ronda de negociações vai acontecer por videoconferência e não presencialmente, como as anteriores (imagem da segunda reunião).
Quarta ronda. Kiev anuncia sessão de negociação hoje com Moscovo
"A minha expectativa pessoal é que este progresso conduza muito em breve a uma posição comum entre as duas delegações e que haja documentos para assinar", disse Leonid Slutski, um membro da delegação russa.

No domingo, um negociador russo afirmou que as conversações entre Rússia e Ucrânia estão a progredir apesar da guerra, apontando que os contactos diplomáticos aumentaram mesmo durante os combates no terreno.

"Se compararmos a posição das duas delegações entre o início das negociações e o momento atual, vemos que há progressos significativos", disse Leonid Slutski, um membro da delegação russa que se encontrou recentemente com negociadores ucranianos na Bielorrússia.

(Com Lusa)

O Contacto tem uma nova aplicação móvel de notícias. Descarregue aqui para Android e iOS. Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas