Escolha as suas informações

Nazis usaram mais de 150 lápides judaicas para construir estrada na Polónia
Mundo 3 12.08.2020

Nazis usaram mais de 150 lápides judaicas para construir estrada na Polónia

Nazis usaram mais de 150 lápides judaicas para construir estrada na Polónia

Foto: Ireneusz Stefański
Mundo 3 12.08.2020

Nazis usaram mais de 150 lápides judaicas para construir estrada na Polónia

Bruno Amaral de Carvalho
Bruno Amaral de Carvalho
A descoberta foi feita durante as obras de renovação de uma praça na cidade de Leżajsk.

Mais de 150 lápides judaicas, utilizadas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial para construir uma estrada, foram encontradas em Leżajsk, na Polónia, durante umas obras. O anúncio feito pelo Agência Provincial para a Proteção de Monumentos na sexta-feira passada é testemunho de mais uma descoberta macabra relacionada com a invasão nazi.

O achado ocorreu durante os trabalhos de renovação da Praça do Mercado, em Leżajsk, perto da fronteira com a Ucrânia, quando trabalhadores removeram uma camada de asfalto e encontraram algumas lápides, conhecidas em hebraico como "matzevah", 20 centímetros abaixo da superfície, cobrindo um troço de estrada de quase 30 metros.

De acordo com um relatório da agência, citado por meios locais, as autoridades nazis arranjaram as estradas nessa parte da cidade, estabeleceram novos bairros e cobriram a praça principal com terra e escombros. As lápides do cemitério judeu foram utilizadas para estabilizar a superfície, principalmente em estradas e calçadas.

Além disso, os peritos salientaram revelaram que "as cores das inscrições - azul, verde, amarelo e vermelho - são claras e vívidas. As decorações são perfeitamente visíveis: coroas, castiçais, flores, leões, mãos", de acordo com a arqueóloga Ewa Kedzierska.

Apesar da descoberta, não houve surpresa, uma vez que já fora prevista por arqueólogos locais depois de achados semelhantes na mesma área no passado. No entanto, o número de lápides surpreendeu os especialistas. 

"Esperávamos encontrar alguns porque há 19 anos atrás também encontraram 'matzevá' durante a construção de uma rotunda no centro de Leżajsk. Mas ninguém esperava um tal número. São mais de 150 e ainda não foram todos removidos", revelou Kedzierska, noticiou The First News. Para já, as lápides estão colocadas numa parcela de terreno na Câmara Municipal de Leżajsk.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.