Escolha as suas informações

Mortalidade no Grande Este subiu quase 40% em março
Mundo 11.04.2020

Mortalidade no Grande Este subiu quase 40% em março

Mortalidade no Grande Este subiu quase 40% em março

AFP
Mundo 11.04.2020

Mortalidade no Grande Este subiu quase 40% em março

Naquela que é uma das regiões francesas mais afetadas pelo novo coronavírus, a mortalidade do último mês, por comparação com o período homólogo de 2019, foi superior em 39%

No último mês de março, morreram em França mais 5430 pessoas que em igual período do ano passado, segundo revelam os dados do Instituto Nacional de Estatística e Estudos Económicos (INSEE). E nas regiões do país mais afetadas pelo novo coroanvírus a subida chega aos 39%.

De acordo com as estatísticas, citadas pela RTL, entre 1 e 30 de Março de 2020 registaram-se 57.441, um aumento em 5430 do número de óbitos face ao período homólogo, já que em março de 2019 se registaram 52.011.

 A nível regional, a Grande Este e a Île-de-France, que são as mais afetadas pelo novo coronavírus apresentam uma taxa de mortalidade superior em 39% à registada no mesmo mês do último ano.

No Grande Este, há, por isso, departamentos que registam uma subida ainda maior que a média da região.

Haut-Rhin, Vosges e Moselle, por exemplo, registaram em março um número de mortes, em alguns casos, até duas vezes superior ao de março de 2019, com o primeiro a superar os 128% de aumento da mortalidade. Vosges registou mais 55% e Moselle mais 40,5%. Também registaram mais de 40% de mortes os departamentos de Seine-Saint-Denis (62%), Hauts-de-Seine e Oise (42%).  

Os dados assinalam ainda que no Grande Este e na Île-de-France os valores são também superiores aos registados em igual período de 2018, embora a mortalidade desse ano, no mês de março, continue a ser superior, o que leva a que os números gerais não possam ser lidos apenas em relação com a mortalidade causada pelo novo coronavírus.

Baseados em todas certidões de óbito, os números nacionais de mortalidade em França, em março deste ano, são ainda assim inferiores em 1200 óbitos aos registados em igual período de 2018, quando foram contabilizadas 58641 mortes e numa altura "em que a gripe sazonal ainda era virulenta", explica o INSEE. 


Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.


Notícias relacionadas

Covid-19. Itália e França com números a descer
Em França há 28 217 pessoas hospitalizadas devido à covid-19 e 4.682 destes pacientes estão nos cuidados intensivos. Estes dois indicadores continuam a descer diariamente. Em Itália, registou-se o mais baixo número de vítimas mortais desde 14 de março.