Escolha as suas informações

Mais 145 mil casas sem eletricidade em Rhône-Alpes
Mundo 16.11.2019

Mais 145 mil casas sem eletricidade em Rhône-Alpes

Mais 145 mil casas sem eletricidade em Rhône-Alpes

AFP
Mundo 16.11.2019

Mais 145 mil casas sem eletricidade em Rhône-Alpes

A forte queda de neve em França danificou centenas de linhas elétricas e continua a fazer estragos.

Cerca de 145 mil casas ficaram sem eletricidade esta manhã, três dias depois da queda de neve de quinta-feira que resultou em oito mortos na região francesa de Rhône-Alpes. 

As principais principais dificuldades registaram-se em Drôme e Ardèche, bem como no Ródano, Loire e Isère, segundo o operador da rede elétrica Enedis.

Só em Isère, oito pessoas morreram intoxicadas com monóxido de carbono depois de terem ligado um gerador para se aquecerem, incluindo um casal de 82 e 75 anos. 

A queda de neve danificou centenas de linhas elétricas e obrigou à mobilização de 2.200 elementos da empresa Enedis que, além da falta de luz, estão a ter dificuldade em chegar aos locais afetados devido ao nevoeiro e às estradas cortadas. 

No auge da crise, 330 mil famílias ficaram sem eletricidade. De acordo com as autoridades francesas, a cada hora, 25 mil casas estão a recuperar a luz. 

Depois do nevão, a grande preocupação são as chuvas torrenciais. O Météo França colocou dois departamentos do Sudoeste - Landes e Pyrénées-Atlantiques - em alerta laranja.

As condições do tráfego rodoviário podem ser dificultadas e algumas perturbações podem afetar o transporte ferroviário", adverte a agência de previsões meteorológicas, segundo a qual "as inundações são possíveis".