Escolha as suas informações

Infeção pelo coronavírus já chegou a Macau e aos Estados Unidos
Mundo 2 min. 22.01.2020 Do nosso arquivo online

Infeção pelo coronavírus já chegou a Macau e aos Estados Unidos

Infeção pelo coronavírus já chegou a Macau e aos Estados Unidos

Foto: AFP
Mundo 2 min. 22.01.2020 Do nosso arquivo online

Infeção pelo coronavírus já chegou a Macau e aos Estados Unidos

Duas pessoas - uma em Washington, outra em Macau - foram diagnosticadas com o novo vírus detetado na China. Até ao momento, morreram nove pessoas e mais de 440 pessoas foram infetadas. A Organização Mundial da Saúde vai reunir-se hoje para decidir se deve declarar uma "emergência de saúde pública de interesse internacional".

Esta terça-feira, um doente no Estado de Washington foi diagnosticado com o novo vírus detetado na China e que causa pneumonias virais. É o primeiro caso confirmado nos Estados Unidos desta doença que já provocou nove mortos na China e graves pneumonias.


China anuncia nove mortos devido a pneumonia viral
O surto surge numa altura em que milhões de chineses viajam, por ocasião do Ano Novo Lunar, a principal festa das famílias chinesas, equivalente ao natal nos países ocidentais.

A pessoa afetada foi hospitalizada na semana passada e permanece “muito doente” numa unidade de Seattle, a capital deste Estado do nordeste dos EUA, após ter viajado recentemente à cidade chinesa de Wuhan onde teve origem o surto epidémico, referiram os ‘media’ locais.

Hoje foi ainda identificado em Macau o primeiro caso do mesmo vírus. O caso detetado diz respeito a uma mulher de 52 anos, comerciante, oriunda da cidade chinesa de Wuhan, que chegou a Macau no dia 19 e que foi submetida a dois testes que confirmaram a doença. Atualmente em regime de isolamento, é considerada uma paciente de alto risco.

Vírus pode ser transmitido de pessoa para pessoa

O Centro Europeu de Controlo de Doenças afirmou esta terça-feira que está confirmada a transmissão pessoa a pessoa do novo vírus detetado na China e que causa pneumonias virais.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que "a fonte primária mais provável" de transmissão é animal, tendo os primeiros casos surgido em pessoas que contactaram com um mercado de pescado na cidade chinesa de Whuan. Contudo, o vírus assume "transmissão limitada entre seres humanos através de contacto próximo".


Eine Frau verlässt das Wuhan Medical Treatment Centre in China, wo ein Mann, der an dem neuartigen Virus erkrankt war, starb.
Vírus na China pode ter infetado mais de um milhar de pessoas
Hong Kong e Macau intensificaram as medidas de deteção e EUA anunciaram que vão começar a filtrar voos diretos de Wuhan. Vírus já matou duas pessoas na China.

A Comissão Nacional de Saúde da China alertou que o novo tipo de coronavírus, uma espécie de vírus que causa infeções respiratórias em seres humanos e animais, "pode sofrer mutações e espalhar-se mais facilmente".

O vírus foi inicialmente detetado, no mês passado, em Wuhan, cidade do centro da China, um importante centro de transporte doméstico e internacional.

O surto surge numa altura em que milhões de chineses viajam, por ocasião do Ano Novo Lunar, a principal festa das famílias chinesas, equivalente ao natal nos países ocidentais. Segundo o Ministério dos Transportes chinês, o país deve registar um total de três mil milhões de viagens internas durante os próximos 40 dias.

Os casos alimentaram receios sobre uma potencial epidemia, semelhante à da pneumonia atípica, ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), que entre 2002 e 2003 matou 650 pessoas na China continental e em Hong Kong.


Japão anuncia primeiro caso de pneumonia viral com origem no centro da China
O paciente é um cidadão chinês, de 30 anos, que reside na prefeitura japonesa de Kanagawa, no sul de Tóquio, mas que visitou Wuhan no início do ano, disse o Ministério da Saúde japonês.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) vai reunir-se durante o dia para decidir se deve declarar uma "emergência de saúde pública de interesse internacional", decisão que pode ser influenciada pela descoberta do primeiro caso nos Estados Unidos.

Fora da China, foram confirmados casos do novo coronavírus entre viajantes chineses na Coreia do Sul, Japão, Tailândia e Taiwan, todos oriundos de Wuhan.

Lusa


Notícias relacionadas

Surto de pneumonia na China faz mais dois mortos
O número de vítimas mortais de um novo tipo de pneumonia na China subiu hoje para seis, com a morte de mais dois pacientes, enquanto o número total de infetados ascendeu a 291, revelaram as autoridades.