Escolha as suas informações

Governo britânico rejeita novo referendo sobre Brexit em qualquer circunstância
Mundo 09.11.2018

Governo britânico rejeita novo referendo sobre Brexit em qualquer circunstância

Governo britânico rejeita novo referendo sobre Brexit em qualquer circunstância

AFP
Mundo 09.11.2018

Governo britânico rejeita novo referendo sobre Brexit em qualquer circunstância

O Governo britânico sublinhou esta sexta-feira que não pretende convocar um novo referendo sobre o 'Brexit' e "em qualquer circunstância", após a demissão do ministro dos Transportes, Jo Johnson, que pediu uma segunda consulta.

Um porta-voz de Downing Street, o gabinete oficial da primeira-ministra, a conservadora Theresa May, afirmou que o referendo de junho de 2016, no qual 51,9% dos votantes se pronunciaram pela saída da União Europeia (UE) foi "o maior exercício democrático da história do país".

"Sob nenhuma circunstância teremos um segundo referendo", sublinhou a fonte, uma posição que a primeira-ministra tem defendido nos últimos meses.

O porta-voz exprimiu o "agradecimento" de Downing Street a Johnson pelo seu trabalho no Governo, que há dois anos defendeu a permanência do país na UE.

O irmão do ex-ministro dos Negócios Estrangeiros Boris Johnson, um dos principais impulsionadores da campanha a favor do 'Brexit', manifestou hoje desacordo com os termos da saída da UE que May deverá concluir com Bruxelas nos próximos dias.

Jo Johnson considerou que nem o acordo proposto pela primeira-ministra nem a opção de abandonar a UE são desejáveis para o Reino Unido.

"Pelo facto de a realidade do 'Brexit' estar muito longe do que foi prometido, o mais democrático seria dar aos cidadãos a última palavra", defendeu.


Notícias relacionadas