Escolha as suas informações

França. Município corta água à população devido à seca
Mundo 22.06.2022
Alterações climáticas

França. Município corta água à população devido à seca

O consumo de água da torneira não está autorizado de momento em Villars-sur-Var, nos Alpes Marítimos
Alterações climáticas

França. Município corta água à população devido à seca

O consumo de água da torneira não está autorizado de momento em Villars-sur-Var, nos Alpes Marítimos
Foto: Karolina Grabowska/Pixabay
Mundo 22.06.2022
Alterações climáticas

França. Município corta água à população devido à seca

AFP
AFP
Em Villars-sur-Var, os habitantes estão proibidos de usar a água para "beber, preparar alimentos e lavar dentes".

Villars-sur-Var, uma cidade de 760 habitantes nos Alpes-Marítimos, na região administrativa Provença-Alpes-Costa Azul, cortou o seu abastecimento de água da torneira devido à debilidade da nascente que a alimenta, numa altura em que o departamento enfrenta uma grave situação de seca, disse o gabinete da presidência da da câmara na terça-feira.

Na sexta-feira passada, o presidente da câmara emitiu um decreto municipal que proíbe "o consumo humano de água potável, nomeadamente beber, preparar alimentos e lavar dentes", indicaram os serviços da câmara municipal, confirmando uma informação do diário Nice Matin.


Portugal vai ter (mesmo) de poupar água este verão
Segundo as previsões oficiais, 34% de Portugal continental está em seca severa e 66% em seca extrema.

Duas garrafas de água por habitante

Mesmo que a fonte da montanha que alimenta a aldeia não tenha secado completamente, o presidente da câmara emitiu esta ordem para evitar que a aldeia "fique seca", acrescentou a câmara.

Uma novo sistema de captação de águas foi construído pela Autoridade da Água dos Alpes Azur Mercantour (REAAM, na sigla francesa) perto da nascente inicial. Mas ainda não se sabe se o caudal é suficiente, pois os resultados da análise da água ainda não chegaram ao município. Este não pode, por conseguinte, autorizar o seu consumo por enquanto.

Por agora, a câmara municipal está a distribuir diariamente duas garrafas de água por habitante ou, no caso das famílias, "um pacote por família e por dia".

Além disso, foi emitido um segundo decreto municipal que proíbe a rega de relvados ou o enchimento de piscinas.

Automóveis não podem ser lavados

No final de maio, a prefeitura de Alpes-Marítimos evocou "uma situação de seca excecional" para estender a todo o departamento o alerta de seca desencadeado em abril devido à falta de chuva.


Seca em Portugal
Seca será "o novo normal". A culpa é do clima e de erros na agricultura
Para o responsável pela Liga para a Proteção da Natureza, há culturas que são "um erro" no sul do país, como a plantação de milho, pela quantidade de água que exige.

Esta decisão acarreta restrições para os agricultores e indústrias e para os particulares, que também estão proibidos de lavar os seus automóveis. Os municípios devem fechar as fontes e parar de lavar as estradas com água.

Dois outros níveis ainda podem ser desencadeados: o nível de alerta reforçado e o nível de crise.

Siga-nos no Facebook, Twitter e receba as nossas newsletters diárias.